Jornal do Commercio
Meio ambiente

CPRH aponta o destino do dinheiro da compensação ambiental

Agência recebeu maior pagamento em compensação da história do órgão

Publicado em 10/09/2014, às 07h20

Recursos serão usados para implantar unidades de conservação  / Ricardo Labastier/JC Imagem

Recursos serão usados para implantar unidades de conservação

Ricardo Labastier/JC Imagem

Adriana Guarda

Ainda que defasado, o valor recorde da compensação ambiental pago pela Petrobras pela implantação da Refinaria Abreu e Lima (R$ 137,4 milhões) será aplicado na implantação, recuperação e consolidação de unidades de conservação (UC) ambiental em Pernambuco. O principal projeto é a reserva de mata atlântica de Bita e Utinga, no município de Ipojuca, na Região Metropolitana do Recife. Além de Bita e Utinga, outra 11 UCs serão contempladas.

Com os R$ 137,4 milhões em caixa, desde o ano passado, a Agência de Meio Ambiente de Pernambuco (CPRH) transferiu R$ 42 milhões à diretoria do Complexo de Suape para realizar a primeira etapa de regularização fundiária de posseiros que vivem no entorno da estação ecológica de Bita e Utinga. “Trata-se de uma área de preservação integral. Por isso as famílias precisam ser remanejadas”, explica o presidente da CPRH, Paulo Teixeira.

De acordo com a agência, 384 famílias precisam deixar o lugar. Desse total, 295 já foram remanejadas. A estação de Bita e Utinga conta com 2,4 mil hectares. Teixeira adianta que serão destinados mais R$ 17,6 milhões na segunda etapa de regularização fundiária.

O dinheiro da compensação ambiental também será destinado à implantação de outras 11 unidades de conservação. “Fizemos uma licitação e as empresas Cetap e Gênese foram as vencedoras para realizar um diagnóstico e apresentar um estudo de qual poderiam ser essas unidades de conservação em regiões de biomassa, mata atlântica ou caatinga”, observa Teixeira, dizendo que o estudo foi encomendado por R$ 1,3 milhão.

Outro destino para o dinheiro da compensação é a criação de arranjos produtivos locais no entorno das UCs, promovendo a inclusão da população vizinha. 




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

O Hobbit - 80 anos O Hobbit - 80 anos
Como a maioria dos hobbits, Bilbo Bolseiro leva uma vida tranquila até o dia em que recebe uma missão do mago Gandalf. Acompanhado por um grupo de anões, ele parte numa jornada até a Montanha Solitária para libertar o Reino de Erebor do dragão Smaug
Marcas do medo Marcas do medo
Mais do que um saldo de 4,1 mil mortos até setembro de 2017, a violência em PE deixou uma população inteira refém do medo. Sentimento sem cara ou forma, que faz um número cada vez maior de vítimas no Estado. Medo de sair de casa, de andar nas ruas
Great Place to Work 2017 Great Place to Work 2017
Conheça agora as 30 melhores empresas para trabalhar em Pernambuco, resultado de uma pesquisa feita pela Grat Place to Work, instituição com credibilidade de 25 anos, em 57 países, envolvendo anualmente sete mil empresas e 12 milhões de colaboradores

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM