Jornal do Commercio
Plástico

Indústria de embalagens investe R$ 31 milhões e amplia unidade em Suape

Bemis terá condições de produzir 800 toneladas por mês de recipientes

Publicado em 06/10/2016, às 12h57

Maior parte do investimento foi destinado à compra do maquinário, que inclui prensas capazes de produzir de 400 a 800 mil potes por dia / Foto: Sérgio Bernardo/ JC Imagem
Maior parte do investimento foi destinado à compra do maquinário, que inclui prensas capazes de produzir de 400 a 800 mil potes por dia
Foto: Sérgio Bernardo/ JC Imagem
Da editoria de Economia

Com um investimento de R$ 31 milhões, a fabricante de embalagens Bemis duplicou a capacidade de produção de sua unidade localizada no Complexo Industrial de Suape, no Cabo de Santo Agostinho. Nos próximos meses, a planta local da multinacional terá condições de produzir 800 toneladas por mês de recipientes plásticos rígidos, como potes de margarina, sorvete, doces e iogurte, por exemplo. Para viabilizar a ampliação, a empresa espera contratar 140 novos funcionários.

O recrutamento já está sendo feito e os interessados podem cadastrar seus currículos através do site: www.vagas.com.br/bemis. A empresa não divulga os detalhes da distribuição das vagas, mas o maior volume será destinado à área de operações.

A maior parte do investimento foi destinado à compra do maquinário, que inclui prensas capazes de produzir de 400 a 800 mil embalagens de margarina por dia, por exemplo. Entre as tecnologias usadas na unidade estão extrusão, termoformagem, injeção e impressão. Com a ampliação, a área construída da fábrica passou de 8 mil metros quadrados para 13 mil metros quadrados. 

“Essa ampliação faz parte da nossa estratégia de aumento de produção focado em investimento em tecnologia, inovação e produtividade. É um investimento com foco no longo prazo”, afirmou o presidente da Bemis para a América Latina, Carlos Santa Cruz, durante o anúncio da ampliação, realizado ontem. Segundo ele, o retorno dos investimentos irão acompanhar a retomada do crescimento da economia, o que, para ele, deve começar a acontecer efetivamente em 2018. O executivo afirmou ainda que podem haver novas ampliações de acordo com a demanda do mercado.

BRASIL

A multinacional espera investir R$ 200 milhões em suas 13 unidades no Brasil até 2017. As embalagens plásticas produzidas em Pernambuco atendem fabricantes de alimentos principalmente do Estado e outros locais do Nordeste. Além da unidade em Suape, a multinacional conta com mais uma planta na região, localizada em Natal, Rio Grande do Norte, responsável pela produção de tubos metálicos.

A fábrica de Suape pertencia anteriormente à Emplal, sendo incorporada à Bemis em dezembro do ano passado. A multinacional tem mais de cem anos e é de origem americana, estando presente em 12 países com 61 unidades e cerca de 18 mil funcionários.

Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

JC RECALL DE MARCAS PREMIA AS MAIS LEMBRADAS DO ANO JC RECALL DE MARCAS PREMIA AS MAIS LEMBRADAS DO ANO
Pitú, Vitarela (macarrão) e Honda (motos) foram as três marcas mais lembradas pelo público pernambucano, segundo pesquisa realizada pelo Instituto Harrop em parceria com o Sistema Jornal do Commercio de Comunicação (SJCC)
JC no Mundial JC no Mundial
Em meio a um cenário conturbado na política internacional, a Rússia espera ser o grande centro das atenções neste mês de junho, quando irá sediar pela primeira vez em sua história uma Copa do Mundo de futebol. Aqui você confire tudo sobre o Mundial.
Reinventar Reinventar
A velocidade na criação de novidades tecnológicas nos faz pensar que o futuro é todo dia. E nós também precisamos sair do lugar. No mercado de trabalho, o impacto dessas transformações exige a capacidade de se reinventar. Veja o que o futuro lhe reserva

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM