Jornal do Commercio
PARALISAÇÃO

Trabalhadores dos Correios em Pernambuco entram em greve

Início da suspensão das atividades começa a valer a partir das 22h desta quarta-feira (26)

Publicado em 26/04/2017, às 21h54

Correios têm cerca de 3,5 mil servidores em Pernambuco e 200 agências / Foto: Chico Porto/ Acervo JC Imagem
Correios têm cerca de 3,5 mil servidores em Pernambuco e 200 agências
Foto: Chico Porto/ Acervo JC Imagem
da Editoria de Economia

Os trabalhadores dos Correios em Pernambuco decidiram entrar em greve por tempo indeterminado durante assembleia realizada na noite desta quarta-feira (26) no Clube Português, Zona Norte do Recife. A decisão reforça o movimento nacional, que é contra as demissões, fechamento de agências e possibilidade de privatização. As atividades começam a ser suspensas já a partir das 22h desta quarta. A estatal afirma que os prejuízos somaram R$ 2 bilhões no ano passado.

Os trabalhadores, no entanto, defendem que os atuais problemas financeiros da empresa fazem parte de um "plano de desmonte" para possibilitar a privatização. "Desde 2011 não se faz concurso público, não há novos contratos. Agora, com o plano de demissão voluntária, diminui ainda mais a quantidade de funcionários e isso afeta a distribuição, o atendimento, a empresa precariza seu serviço", comentou ontem o diretor de comunicação do Sintect-PE, Eliomar Moreira.

A assembleia aconteceu simultaneamente em vários estados do País, todas no intuito de reforçar o movimento nacional. Além de pedir o fortalecimento institucional dos Correios e universalização dos serviços, os trabalhadores reivindicam melhorias nas condições de trabalho, a contratação de novos funcionários, mais segurança nas agências, o retorno da entrega diária e o fim da suspensão de férias.



Com a greve, a expectativa dos trabalhadores é pressionar a empresa para que seja realizada uma auditoria em suas contas, já que os movimentos trabalhistas questionam os números oficiais divulgados indicando prejuízos bilionários.

Segundo o sindicato, os Correios têm cerca de 3,5 mil servidores em Pernambuco e 200 agências. No Brasil, são 1.250 agências.

PATRÕES

Em nota, a empresa informou que, caso o movimento grevista seja deflagrado, os Correios adotarão as medidas necessárias para garantir a continuidade de todos os serviços. Mas, diante do movimento nacional, o presidente dos Correios, Guilherme Campos, criticou a paralisação. "A greve reduz o nível do serviço entregue, dá argumentos nesse sentido [da privatização] ", disse. "É muito difícil privatizar, mas se a empresa não se mostrar viável, qual outro caminho nós vamos ter?".

O comentário vai na linha do posicionamento da pasta à qual a estatal está subordinada. Segundo o ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Gilberto Kassab, a empresa precisa realizar cortes radicais para evitar a privatização.


Palavras-chave

Recomendados para você


Comentários

Por ANDRE ,05/05/2017

Todo ano é essa novela, só privatizando, é uma falta total de compromisso, se fosse uma empresa seria as cartas que foram enviadas antes da greve teriam de ser entregues pois o serviço foi pago, como uma empresa que todo ano passa mais de 30 dias sem trabalhar vai dar lucro, a i aparece gente como esta Cleide para defender, como antes da greve dos serviços prestados fossem de qualidade.

Por elimara tavares silva,30/04/2017

com cordo espero que essa greve seja resolvida o mais rrapido posivel pois estava esperando uma mecadoria nodia 27/04/ 2017 pois parol notempo o bjeto nao chegol na cte de recife e muitas pessoas estao passando porisso paguei um protuto muito caro e estou esperando pois precisso muito do objet

Por elimara,30/04/2017

verdade so espero que isto seja resolvido mais rapido possivel to esperando um do cumento muito importante pelos correios de recife para pernambuco

Por Cleide N,27/04/2017

Sou a favor da greve, é fácil demais criticar que luta pelos seus direitos, só pode ser um revoltado, não sabe de nada e opina pela privatização, fala isso porque não trabalha lá, e nem tem dependentes de sua família que dependam deste plano, pois que está falindo os correios é o próprio governo.

Por ANDRE RICARDO,27/04/2017

Tem que privatizar para melhorar



Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

O Hobbit - 80 anos O Hobbit - 80 anos
Como a maioria dos hobbits, Bilbo Bolseiro leva uma vida tranquila até o dia em que recebe uma missão do mago Gandalf. Acompanhado por um grupo de anões, ele parte numa jornada até a Montanha Solitária para libertar o Reino de Erebor do dragão Smaug
Marcas do medo Marcas do medo
Mais do que um saldo de 4,1 mil mortos até setembro de 2017, a violência em PE deixou uma população inteira refém do medo. Sentimento sem cara ou forma, que faz um número cada vez maior de vítimas no Estado. Medo de sair de casa, de andar nas ruas
Great Place to Work 2017 Great Place to Work 2017
Conheça agora as 30 melhores empresas para trabalhar em Pernambuco, resultado de uma pesquisa feita pela Grat Place to Work, instituição com credibilidade de 25 anos, em 57 países, envolvendo anualmente sete mil empresas e 12 milhões de colaboradores

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM