Jornal do Commercio
esportes esportes
  • Tamanho do texto:
  • A-
  • A+

classificação

Croata Simunic é condenado a pagar multa por entoar cânticos nazistas

Para se defender, o jogador do Dínamo de Zagreb afirmou tê-lo feito apenas por "amor ao povo (croata) e à pátria"

Publicado em 21/11/2013, às 17h56


Da AFP

ZAGREB - O zagueiro croata Josip Simunic foi condenado a pagar 3.200 euros de multa, a pena máxima, por ter comemorado a classificação do seu país à Copa do Mundo de 2014 entoando cânticos nazistas, anunciou nesta quinta-feira (21) a Justiça croata.

Após a vitória por 2-0 da Croácia sobre a Islândia, sinônimo de classificação para o Mundial, Simunic pegou um microfone e repetiu um grito usado pelo regime pró-nazista croata na Segunda Guerra Mundial. "Pela pátria" (Za Dom), disse ele quatro vezes, ao que os torcedores responderam: "Prontos" (Spremni).

Para se defender, o jogador do Dínamo de Zagreb afirmou tê-lo feito apenas por "amor ao povo (croata) e à pátria" e rejeitou qualquer conotação inspirada "no ódio ou na destruição".

"São as únicas razões que, em um momento de emoção, me influenciaram e é por isso que comecei a cantar com o público", explicou Josip Simunic, de 35 anos.

Seu gesto foi condenado pelo presidente croata, Ivo Josipovic, e pelo governo.

imprima
envie para um amigo
reportar erro


Comentar


nome e-mail
comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

Ranking do dia

Fotos do dia

Montagem da Campus Party 2014 no Centro de Convenções
Foto: Tato Rocha/Especial para o JC

> JC Imagem

Montagem da Campus Party 2014 no Centro de ConvençõesMontagem da Campus Party 2014 no Centro de ConvençõesMontagem da Campus Party 2014 no Centro de ConvençõesMontagem da Campus Party 2014 no Centro de ConvençõesMontagem da Campus Party 2014 no Centro de Convenções

Especiais JC

A revolução da energia A revolução da energia
Em um momento difícil para a gestão de energia no Brasil, o JC traz um especial, no JC Online e no Jornal do Commercio, mostrando que essa é uma área essencial e em plena revolução
A loucura e suas implicações A loucura e suas implicações
Em 20 anos o tratamento de pessoas com transtornos mentais mudou no Recife. Manicômios fecharam para dar lugar a novos espaços
Facebook Twitter RSS Youtube
Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM