Jornal do Commercio
Prisão

Janot pede que STF cancele liberdade do goleiro Bruno

Procurador-geral da República, Rodrigo Janot, encaminhou um parecer ao STF solicitando revogação do habeas corpus

Publicado em 20/04/2017, às 10h28

Bruno foi solto em fevereiro após receber habeas corpus de  Marco Aurélio  / AFP
Bruno foi solto em fevereiro após receber habeas corpus de Marco Aurélio
AFP
Luana Ponsoni

Dois meses após ser solto, mesmo sem cumprir os 23 anos  pelo assassinato de Eliza Samudio, o goleiro Bruno Fernandes, do Boa Esporte, corre o risco de retornar à prisão. Na próxima terça-feira (25), a Primeira Turma do STF vai analisar pedido do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, solicitando a revogação do habeas corpus concedido ao ex-presidiário pelo ministro Marco Aurélio Mello. Antes sob a relatoria do ministro Teori Zavascki, morto em acidente aéreo ocorrido em janeiro deste ano, o processo agora está aos cuidados do ministro Alexandre de Moraes.

De acordo com o jornal O Globo, Bruno teve um pedido de liberdade negado pelo Superior antes da decisão pela soltura de Marco Aurélio Mello ser proferida. Por esse motivo, o goleiro deve voltar a prisão, já que, segundo Janot, não caberia a Marco Aurélio Mello apresentar habeas corpus contra decisão tomada por outros ministros do STF.



O caso chegou ao Supremo em caráter de urgência e teve de ser encaminhado pela ministra Cármen Lúcia para Marco Aurélio Mello após a morte de Teori. Foi então que Mello concedeu o habeas corpus a Bruno.

PRIMEIRA TURMA

Agora que Alexandre Moraes ocupou a vaga de Teori, o processo foi parar em suas mãos. Além do relator e de Marco Aurélio  Mello, a Primeira Turma do STF conta ainda com Luiz Fux, Rosa Weber e Luís Roberto Barroso. As decisões são tomadas por maioria de votos.


Palavras-chave

Recomendados para você


Comentários

Por Assunpção,20/04/2017

O lugar desse verme é a cadeia. Onde tá a justiça??

Por antonio,20/04/2017

essa justiça brasileira e toda destorcida, eu mesmo não confio na justiça brasileira.



Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

JC recall de marcas 2017 JC recall de marcas 2017
Conheça o ranking das marcas que têm conseguido se manter no topo da preferência dos pernambucanos. O rol é resultado de uma pesquisa realizada pelo Instituto Harrop, há duas décadas parceiro do Jornal do Commercio na realização da premiação
10 anos do IJCPM 10 anos do IJCPM
O Instituto João Carlos Paes Mendonça de Compromisso Social (IJCPM) comemora 10 anos de história, contribuindo para transformar a vida de jovens de comunidades com histórico de desigualdade social nas cidades de Recife, Salvador, Fortaleza e Aracaju
Chapecoense: um ano de saudade Chapecoense: um ano de saudade
Um ano de saudade. Foi isso que restou. A maior tragédia do esporte mundial, no dia 29 de novembro de 2016, quando houve o acidente aéreo com a delegação da Chapecoense, em Medellín, na Colômbia, fez 71 vítimas. Entre elas, dois pernambucanos

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM