Jornal do Commercio
Europa

Neymar fica de fora de seleção da Uefa

Apenas dois brasileiros foram escalados para o time ideal

Publicado em 11/01/2018, às 16h37

Atacante atualmente joga no PSG / AFP
Atacante atualmente joga no PSG
AFP
JC Online

A Uefa divulgou nesta quinta-feira a seleção do futebol europeu em 2017, definida em votação pela internet, sem a presença de Neymar. O atacante brasileiro foi preterido pelos astros Cristiano Ronaldo e Lionel Messi no time ideal, escalado no esquema tático 4-4-2 e que conta com os brasileiros Daniel Alves e Marcelo. 

Além da opção pelo português e o argentino para o ataque e pelos laterais brasileiros, a votação também apontou Buffon como o goleiro titular, com Chiellini e Sergio Ramos formando a dupla de zaga. Já o meio-campo ideal do futebol europeu em 2017 conta com Hazard, Modric, Kroos e De Bruyne.

A eleição promovida pela Uefa contou com 8,8 milhões de votos após a entidade europeia listar 50 jogadores, sendo cinco goleiros, 15 defensores, 15 meias e 15 atacantes. Além de Daniel Alves, Marcelo e Neymar, o futebol brasileiro também contava com outros três indicados: Casemiro, Alex Sandro e Fabinho. 



Mas apenas os laterais foram escolhidos, com Neymar ficando de fora do time ideal da Uefa pelo segundo ano consecutivo, mesmo após protagonizar a maior transação da história do futebol ao trocar o Barcelona pelo Paris Saint-Germain antes do início da atual temporada. 

A seleção divulgada nesta quinta-feira pela Uefa acabou sendo dominada pelo Real Madrid, que venceu a Liga dos Campeões da Europa na temporada passada, com cinco dos 11 jogadores sendo do time espanhol: Sergio Ramos, Marcelo, Kroos, Modric e Cristiano Ronaldo. Marcelo teve a segunda maior quantidade de votos - 70% -, atrás apenas de Sergio Ramos, com 73,7%.


Palavras-chave

Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Reinventar Reinventar
A velocidade na criação de novidades tecnológicas nos faz pensar que o futuro é todo dia. E nós também precisamos sair do lugar. No mercado de trabalho, o impacto dessas transformações exige a capacidade de se reinventar. Veja o que o futuro lhe reserva
Rodoviários: ''máquinas'' sem manutenção Rodoviários: ''máquinas'' sem manutenção
Carga horária excessiva, más condições de trabalho, terminais sem estrutura apropriada e os riscos ocupacionais aos quais estão submetidos. O transporte rodoviário está em quarto lugar entre as profissões com mais com comunicações de acidentes de trabalh
#UmaPorUma #UmaPorUma
Existe uma história para contar por trás de cada assassinato de mulher em Pernambuco. Uma por uma, vamos contar todas. Mapear onde as mataram, as motivações do crime, acompanhar a investigação e cobrar a punição dos culpados. Um banco de dados virtual.

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM