Jornal do Commercio
MODIFICAÇÕES

Náutico pode ter quatro mudanças para o clássico contra o Santa Cruz

Éwerton Páscoa e Maylson devem atuar na cabeça de área alvirrubra

Publicado em 09/03/2017, às 06h07

Éwerton Páscoa jogou como volante na partida diante do Campinense / Foto: JC Imagem
Éwerton Páscoa jogou como volante na partida diante do Campinense
Foto: JC Imagem
Filipe Farias
Twitter: @_filipefarias

Ao contrário das três primeiras partidas que comandou o Náutico, quando procurou manter a mesma formação de uma partida para outra, o técnico Milton Cruz se vê obrigado a promover várias modificações na equipe alvirrubra para o clássico contra o Santa Cruz, domingo, na Arena de Pernambuco, pela 5ª rodada da Copa do Nordeste.

Com as suspensões dos volantes Rodrigo Souza e João Ananias, o técnico timbu deve optar pelas entradas de Maylson e deslocar o zagueiro Éwerton Páscoa para atuar na cabeça de área. Posição que o defensor não tem problemas para desempenhar, já que atuou improvisado nessa função diante do Belo Jardim e Campinense e não encontrou dificuldades. Se isso acontecer, Adalberto entraria para formar dupla de zaga ao lado de Tiago Alves.

“Se Milton (Cruz) optar por me colocar como primeiro volante não tem problema porque já estou acostumado. Maylson tem mais qualidade e jogaria mais à frente para sair com a bola. Ainda temos o Darlan que pode jogar na cabeça de área. É deixar para Milton montar esse quebra-cabeça”, falou Éwerton Páscoa.

Diferentemente de Rodrigo Souza, que tem mais recurso para sair jogando e arriscar os lançamentos em profundidade, como primeiro volante Páscoa se limitaria a proteger a entrada da área. “Quando joguei como volante, Milton pediu para eu ficar na frente da zaga fazendo a proteção. Ele cobra muito do primeiro volante para não sair tanto e proteger os zagueiros. Então, se jogar, vou ser o cão de guarda para proteger a nossa defesa”, explicou o zagueiro.

Caso Milton Cruz não queria improvisar, outra possibilidade que Milton Cruz pode escolher seria a utilização de Cal Rodrigues – foi titular na estreia do Náutico na temporada e entrou no decorrer de outras cinco partidas. Apesar de o meio de campo ficar menos “pegador”, o prata da casa acredita que o Timbu pode atuar sem a presença de um atleta só marcador.

“Hoje em dia não precisa ter no time esse grande marcador. Se colocar um meio de campo técnico, basta os jogadores fecharem o espaço e quem estiver mais perto do adversário que estiver com a bola pressionar. Acredito que caberia sim um meio de campo formado por mim, Maylson e Marco Antônio, basta se posicionar bem em campo”, argumentou Cal.

ATAQUE

Outro setor que ser alteração é o ofensivo. Isso porque o comandante alvirrubro ganhou duas opções para o ataque: Giva e Anselmo. Como Alison ainda não conseguiu marcar nenhum gol com a camisa do Náutico, Milton pode preservá-lo e iniciar a partida contra o Santa Cruz com Giva. Já Anselmo ainda não tem condições de jogar os 90 minutos e deve iniciar o Clássico das Emoções entre os reservas, podendo ser acionado no decorrer do confronto.

Palavras-chave

Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Pernambuco Modernista Pernambuco Modernista
Conheça a intimidade de ateliês, no silêncio de casas, na ansiedade de pincéis sujos para mostrar como, quase nonagenária, a terceira grande geração da arte moderna de Pernambuco vai atravessando as primeiras décadas do século 21
A crise que adoece A crise que adoece
Além dos índices econômicos ruins, a recessão iniciada em 2014 no Brasil cria uma população mais doente, vítima do estresse causado pela falta de perspectivas. A pressão gera problemas psicológicos e físicos, que exigem atenção.
Agreste seco Agreste seco
A seca colocou de joelhos uma região inteira. Fez o Agreste sertanejar. Os cinco anos consecutivos sem chuva em Pernambuco ganharam aqui a dimensão de uma tragédia. Silenciosa e diária.

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM