Jornal do Commercio
IMPROVISADO

Giovanni quer se firmar entre os titulares do Náutico

O lateral-esquerdo vai atuar pelo segundo jogo seguido no meio de campo

Publicado em 17/03/2017, às 10h16

Giovanni atuou no meio de campo do Náutico no clássico contra o Santa Cruz / Foto: Léo Lemos/ Assessoria do Náutico
Giovanni atuou no meio de campo do Náutico no clássico contra o Santa Cruz
Foto: Léo Lemos/ Assessoria do Náutico
Filipe Farias
Twitter: @_filipefarias

Sem espaço na lateral esquerda alvirrubra, Giovanni aos poucos vai cavando o seu lugarzinho no time titular do Náutico na meia. Depois de fazer um bom clássico contra o Santa Cruz, o lateral de origem vai para a sua segunda partida seguida atuando improvisado. Contra o Salgueiro, ele irá compor o meio de campo timbu ao lado de Darlan, João Ananias e Dudu.

"Milton Cruz e a comissão-técnica gostaram da minha atuação (no meio), eu estou me sentindo bem nessa posição, mas sei que posso render mais. Ainda estou me adaptando e sei que poso fazer mais coisas", disse Giovanni, que credita a sua boa atuação ao bom momento do Náutico. "A equipe está se encaixando, com isso, independente da posição que se joga, as coisas dão certo", falou.

A ideia de Milton Cruz é que Giovanni fique posicionado mais pela esquerda, dando suporte a Manoel, enquanto Ananias fica pela direta, em parceria com David. Já Darlan segue com a responsabilidade de proteger a entrada da área.

TROCA

Apesar da troca de Marco Antônio (lesionado) por João Ananias, Giovanni destacou o que o time do Náutico ganha com essa modificação. "Perdemos um pouco porque Marco é mais técnico, mas ganhamos em força física com a entrada do João Ananias. Como o gramado de lá (Cornélio de Barros) não é tão bom, pede um jogo com mais pegada e movimentação. Por isso é bom ter o João, pois ele faz a transição mais rapidamente", declarou Giovanni.

Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

A crise que adoece A crise que adoece
Além dos índices econômicos ruins, a recessão iniciada em 2014 no Brasil cria uma população mais doente, vítima do estresse causado pela falta de perspectivas. A pressão gera problemas psicológicos e físicos, que exigem atenção.
Agreste seco Agreste seco
A seca colocou de joelhos uma região inteira. Fez o Agreste sertanejar. Os cinco anos consecutivos sem chuva em Pernambuco ganharam aqui a dimensão de uma tragédia. Silenciosa e diária.
#PeloCaminhar #PeloCaminhar
Mais do que mobilidade, caminhar também é apropriar-se da cidade. Mas o caminhar está difícil. A mobilidade a pé necessita de uma infraestrutura própria, decente, que eleve o pedestre ao posto maior. Por isso o JC lança a discussão #PeloCaminhar.

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM