Jornal do Commercio
REFORMULAÇÃO

''Sei que vamos ter muito trabalho'', diz técnico do Náutico

Waldemar Lemos afirma que terá de montar um novo grupo para depois ter um time

Publicado em 13/05/2017, às 08h04

Alison herdou a vaga de Anselmo, que está acertando sua saída do Náutico / Foto: JC Imagem
Alison herdou a vaga de Anselmo, que está acertando sua saída do Náutico
Foto: JC Imagem
Karoline Albuquerque
Blog do Torcedor

Diante de tudo que aconteceu com o Náutico na semana que antecedeu sua estreia no Campeonato Brasileiro da Série B, o técnico Waldemar Lemos afirmou que o 0x0 em casa contra o América-MG, na noite desta sexta-feira (12), não foi de todo ruim. Ele exaltou os jovens alvirrubros que entraram em campo, pois o time iniciou o jogo com seis pratas-da-casa, e acrescentou que sabe que terá muito trabalho.

Na visão do técnico, a formação e o desenho tático do Náutico em campo valeram a pena, sabendo sustentar todas as ações do adversário. “Sei que vamos ter muito trabalho, mas futebol para mim é trabalho. Vamos ter que modificar muita coisa, porque cobro intensidade no treino e competitividade até no aquecimento”, ressaltou Waldemar.



RECONSTRUÇÃO

Ele acredita que isso pode fazer a diferença lá na frente. “A rapaziada mostrou o porquê está aqui. Enfrentamos uma equipe montada há algum tempo e nós estamos somente com meia hora de trabalho. Começando. Vejo que temos que montar um grupo, uma equipe e um time”, analisou o treinador alvirrubro. Waldemar acrescentou que, dentro do contexto, é preciso avaliar o que aconteceu na partida e aumentar o espírito de luta.


Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

O Hobbit - 80 anos O Hobbit - 80 anos
Como a maioria dos hobbits, Bilbo Bolseiro leva uma vida tranquila até o dia em que recebe uma missão do mago Gandalf. Acompanhado por um grupo de anões, ele parte numa jornada até a Montanha Solitária para libertar o Reino de Erebor do dragão Smaug
Marcas do medo Marcas do medo
Mais do que um saldo de 4,1 mil mortos até setembro de 2017, a violência em PE deixou uma população inteira refém do medo. Sentimento sem cara ou forma, que faz um número cada vez maior de vítimas no Estado. Medo de sair de casa, de andar nas ruas
Great Place to Work 2017 Great Place to Work 2017
Conheça agora as 30 melhores empresas para trabalhar em Pernambuco, resultado de uma pesquisa feita pela Grat Place to Work, instituição com credibilidade de 25 anos, em 57 países, envolvendo anualmente sete mil empresas e 12 milhões de colaboradores

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM