Jornal do Commercio
SÉRIE B

Apesar de início ruim na Série B, Náutico não teme rebaixamento

Time alvirrubro só conquistou apenas um ponto e já ocupa a parte de baixo da tabela

Publicado em 24/05/2017, às 07h13

Náutico encara o Ceará, sábado, às 16h30, na Arena de Pernambuco / Foto: JC Imagem
Náutico encara o Ceará, sábado, às 16h30, na Arena de Pernambuco
Foto: JC Imagem
Filipe Farias
Twitter: @_filipefarias

Se o Náutico deixou a desejar nas competições que disputou nesse primeiro semestre (Pernambucano, Nordestão e Copa do Brasil), o mesmo vem acontecendo nesse início da Série B. Nas duas primeiras rodadas, o Timbu conquistou apenas um ponto e já figura na parte de baixo da tabela - 19ª colocação.

Com uma pedreira pela frente - recebe o Ceará, sábado (27), às 16h30, na Arena PE -, os alvirrubros sabem que precisam recuperar os pontos perdidos. “A Série B começou agora, mas já perdemos pontos importantes. Ano passado deixamos de pontuar no começo e acabou fazendo falta no final”, alertou Joazi.



FANTASMA

Contudo, Tiago Alves tratou de espantar qualquer fantasma de rebaixamento. “Tento passar para o grupo que num campeonato de 38 rodadas são 38 finais. Nesses dois jogos não pontuamos como queríamos. Creio que começando a vencer agora e o desempenho melhorando, a gente pode brigar ainda por um acesso”. 


Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Pernambuco Modernista Pernambuco Modernista
Conheça a intimidade de ateliês, no silêncio de casas, na ansiedade de pincéis sujos para mostrar como, quase nonagenária, a terceira grande geração da arte moderna de Pernambuco vai atravessando as primeiras décadas do século 21
A crise que adoece A crise que adoece
Além dos índices econômicos ruins, a recessão iniciada em 2014 no Brasil cria uma população mais doente, vítima do estresse causado pela falta de perspectivas. A pressão gera problemas psicológicos e físicos, que exigem atenção.
Agreste seco Agreste seco
A seca colocou de joelhos uma região inteira. Fez o Agreste sertanejar. Os cinco anos consecutivos sem chuva em Pernambuco ganharam aqui a dimensão de uma tragédia. Silenciosa e diária.

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM