Jornal do Commercio
VOLTA POR CIMA

Zagueiro não esconde frustração pela falta de vitórias do Náutico

Aislan acredita que a equipe alvirrubra pode trilhar um novo caminho a partir do jogo contra o Criciúma

Publicado em 27/07/2017, às 10h23

Aislan marcou um gol pelo Náutico, diante do Boa Esporte / Foto: Léo Lemos/ Náutico
Aislan marcou um gol pelo Náutico, diante do Boa Esporte
Foto: Léo Lemos/ Náutico
Filipe Farias
Twitter: @_filipefarias

É notório que o Náutico apresentou uma discreta melhora nas últimas rodadas da Série B. Tanto que, dos cinco jogos disputados anteriormente, a equipe alvirrubra perdeu apenas uma (diante do Paysandu). Em compensação, o fato de conquistar apenas uma vitória e três empates (que tiveram mais um gosto de derrotas, pela situação complicada do time na tabela, é o lanterna) acabou gerando uma frustração no elenco, já que a ideia era de o Timbu estar numa situação mais esperançosa nessa reta final do primeiro turno da Segundona.

"É um momento um pouco frustrante porque ninguém gosta de ficar tanto tempo sem vencer. Vencemos o ABC fora de casa e não conseguimos engatar uma sequência de vitórias. Não queremos ficar nessa situação. Queremos reverter o mais rápido possível. Os resultados não estão vindo, mas esperamos que a partir desse jogo contra o Criciúma possamos iniciar uma boa reação", planejou o zagueiro Aislan, que vai assumir a vaga do suspenso Breno Calixto.



AJUSTE DEFENSIVO

Apesar de ter tido uma sequência de oito partidas como titular, Aislan perdeu a posição na zaga alvirrubra e ficou no banco nas últimas cinco rodadas. Observando de fora, o defensor reconheceu o trabalho do técnico Beto Campos para organizar o sistema defensivo, que tomou apenas dois gols nas nesse período.

"Ele (Beto Campos) conseguiu dar uma ajustada boa no setor defensivo. Procurou conscientizar que precisamos nos defender e atacar de forma organizada. Nosso time não é só quatro ou cinco jogadores que defendem. Precisamos de um tinha que se disponha taticamente em atacar e defender também", comentou o zagueiro.


Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

JC recall de marcas 2017 JC recall de marcas 2017
Conheça o ranking das marcas que têm conseguido se manter no topo da preferência dos pernambucanos. O rol é resultado de uma pesquisa realizada pelo Instituto Harrop, há duas décadas parceiro do Jornal do Commercio na realização da premiação
10 anos do IJCPM 10 anos do IJCPM
O Instituto João Carlos Paes Mendonça de Compromisso Social (IJCPM) comemora 10 anos de história, contribuindo para transformar a vida de jovens de comunidades com histórico de desigualdade social nas cidades de Recife, Salvador, Fortaleza e Aracaju
Chapecoense: um ano de saudade Chapecoense: um ano de saudade
Um ano de saudade. Foi isso que restou. A maior tragédia do esporte mundial, no dia 29 de novembro de 2016, quando houve o acidente aéreo com a delegação da Chapecoense, em Medellín, na Colômbia, fez 71 vítimas. Entre elas, dois pernambucanos

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM