Jornal do Commercio
FUTURO

Roberto Fernandes deixa o seu futuro no Náutico em aberto

Treinador alvirrubro pretende analisar o seu desempenho à frente do Timbu antes de qualquer decisão

Publicado em 13/10/2017, às 10h13

Com Roberto Fernandes, o Náutico passou a vencer em casa / Foto: Léo Lemos/ Náutico
Com Roberto Fernandes, o Náutico passou a vencer em casa
Foto: Léo Lemos/ Náutico
Filipe Farias
Twitter: @_filipefarias

A situação delicada do Náutico na Série B do Brasileiro tem dificultado para que a temporada 2018 do alvirrubro já possa ser planejada. Recentemente, o volante Amaral foi procurado pela diretoria do clube para renovar para o próximo ano, mas escutou do atleta para aguardar mais um pouco, pois ainda não era o momento para discutir um novo contrato. Outro que também ainda não sabe o seu futuro é o técnico Roberto Fernandes.

No cargo desde o início de agosto, o treinador, em 10 jogos pelo Timbu, conseguiu quatro vitórias e seis empates. Caso esse retrospecto não melhore, Fernandes espera analisar a sua trajetória e mensurar a sua parcela de culpa e de contribuição no desempenho do Náutico. "Não vou tirar uma vírgula da minha responsabilidade, caso não consigamos o objetivo, mas também não coloco um ponto a mais do meu fardo na conta. Vou ver o meu percentual e o dos demais para ver se caiu por minha culpa ou não", declarou Roberto.



MANDANTE

Apesar do tom desesperançoso quanto à permanência na Segundona, o treinador lembra que o Náutico sob o seu comando passou a ser mais eficiente atuando em seus domínios. "O Náutico comigo não venceu fora, mas sem mim também não venceu nenhuma em casa. Todas as vitórias como mandante foi comigo. Não cheguei aqui no começo da competição. Cheguei na última rodada do primeiro turno", disparou.

 


Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Prêmio ISS Recife Prêmio ISS Recife
Principal item da receita própria dos municípios, o Imposto Sobre Serviços (ISS) entra no cofre das prefeituras tanto para custear despesas quanto para viabilizar investimentos nas cidades.
#ConexãoPelaVida #ConexãoPelaVida
Há quase dois séculos, o Real Hospital Português mantém a sua atenção voltada para o bem-estar dos pacientes. Conheça um pouco mais sobre a instituição médica que aos 162 não para de se modernizar
Agreste Empreendedor Agreste Empreendedor
O Agreste pernambucano é a região que mais cresce em Pernambuco. E, por incrível que pareça, a força motriz que puxou esse desenvolvimento foi o empreendedorismo.

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM