Jornal do Commercio
Financeiro

Volante aprova política de 'pés no chão' do Náutico

'Acredito que é um pensamento válido. Tenho certeza que o Náutico vai voltar a ser grande', afirmou Negretti

Publicado em 06/12/2017, às 20h02

Mesmo com orçamento curto, Negretti quer Náutico pensando em títulos também / Léo Lemos/Náutico
Mesmo com orçamento curto, Negretti quer Náutico pensando em títulos também
Léo Lemos/Náutico
Diego Toscano
Twitter: @diegotoscanoo

Passando por uma reformulação praticamente completa para 2018, o Náutico tem como uma das principais missões da próxima temporada recuperar a credibilidade e pagar em dia as folhas dos jogadores, comissão técnica e funcionários. E a estratégia agrada a pelo menos um dos contratados para o ano que vem: o volante Negretti. Para o jogador, a política de "pés no chão" é fundamental para o Timbu voltar a brilhar no cenário nacional.

"O Náutico está com uma política de pés no chão e não vai fazer loucuras de trazer jogadores caros e que não tem condições de pagar. Vão tentar pagar em dia, com uma folha bem reduzida. Acredito que é um pensamento válido. Tenho certeza que o Náutico vai voltar a ser grande e brigar por títulos", explicou.



OBJETIVOS

Mesmo com foco principal na volta pra Série B, Negretti não quer que o Náutico "esqueça" o restante das competições na temporada. Deseja voltar a ser campeão estadual, como foi em 2014, pelo Nacional de Manaus, e duas vezes pelo Campinense, em 2015 e 2016. E acredito que o Timbu, pela tradição, tem chance de voltar a conquistar uma taça após 13 anos.

"Eu vinha numa sequência muito boa. Antes de 2017, nos três últimos anos, ganhei títulos. É importante conquistar, principalmente na carreira do futebol. Os clubes procuram jogadores vencedores. Minha meta e objetivo em 2018 é conquistar títulos. E tenho certeza que isso vai acontecer em 2018", finalizou o volante do Náutico.


Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

JC recall de marcas 2017 JC recall de marcas 2017
Conheça o ranking das marcas que têm conseguido se manter no topo da preferência dos pernambucanos. O rol é resultado de uma pesquisa realizada pelo Instituto Harrop, há duas décadas parceiro do Jornal do Commercio na realização da premiação
10 anos do IJCPM 10 anos do IJCPM
O Instituto João Carlos Paes Mendonça de Compromisso Social (IJCPM) comemora 10 anos de história, contribuindo para transformar a vida de jovens de comunidades com histórico de desigualdade social nas cidades de Recife, Salvador, Fortaleza e Aracaju
Chapecoense: um ano de saudade Chapecoense: um ano de saudade
Um ano de saudade. Foi isso que restou. A maior tragédia do esporte mundial, no dia 29 de novembro de 2016, quando houve o acidente aéreo com a delegação da Chapecoense, em Medellín, na Colômbia, fez 71 vítimas. Entre elas, dois pernambucanos

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM