Jornal do Commercio
Hóquei

Sport é campeão sul-americano de hóquei

O título é, segundo o técnico Osvaldo Guimarães, o mais importante da história da modalidade no Brasil

Publicado em 16/12/2012, às 16h30

O Sport entrou para o seleto grupo de brasileiros campeões no Sul-Americano. Só o Sertãozinho havia conquistado a taça na década de 1980 / Foto: Divulgação

O Sport entrou para o seleto grupo de brasileiros campeões no Sul-Americano. Só o Sertãozinho havia conquistado a taça na década de 1980

Foto: Divulgação

Marcelo Sá Barreto

O Sport fez história na noite do último sábado, ao derrota o San Lorenzo, por 5x4, na final do Sul-Americano de Hóquei sobre patins, disputado em Buenos Aires, na Argentina. O gol da vitória rubro-negra saiu do taco de Fabrício, já na prorrogação. O título é, segundo o técnico Osvaldo Guimarães, o mais importante da história da modalidade no Brasil. Só o Sertãozinho, na década de 1980, conquistou a taça internacional. Além disso, a competição foi disputada na casa da maior potência sul-americana do hóquei, onde o esporte é profissionalizado, o que não se vê no Brasil.

“Todas essas dificuldades, como jogar diante da torcida deles, que é um torcedor de futebol, dentro da Argentina, só fez com que o nosso título fosse mais valorizado. Fizemos história no hóquei brasileiro”, enfatiza Osvaldo. “Depois que o Sertãozinho foi campeão na década de 1980, até conquistar um pódio era considerado um feito enorme para as equipes brasileiras. E conseguimos ser campeões”, destaca.

Além de Fabrício, que marcou dois tentos, outros artilheiros da noite de sábado foram Max, Ceará e Bruno. De acordo com Osvaldo, embora o jogo tenha sido cercado de nervosismo, as equipes se comportaram bem dentro de quadra. Até os argentinos esqueceram um pouco catimba e se preocuparam mais em jogar hóquei. “Para uma partida como essa, podemos considerar que o jogo foi tranquilo. Eles nem catimbaram muito. E quando ocorreu uma ou outra situação mais nervosa, soubemos tirar de letra. Já estamos acostumados”, diz.

Palavras-chave




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Reinventar Reinventar
A velocidade na criação de novidades tecnológicas nos faz pensar que o futuro é todo dia. E nós também precisamos sair do lugar. No mercado de trabalho, o impacto dessas transformações exige a capacidade de se reinventar. Veja o que o futuro lhe reserva
Rodoviários: ''máquinas'' sem manutenção Rodoviários: ''máquinas'' sem manutenção
Carga horária excessiva, más condições de trabalho, terminais sem estrutura apropriada e os riscos ocupacionais aos quais estão submetidos. O transporte rodoviário está em quarto lugar entre as profissões com mais com comunicações de acidentes de trabalh
#UmaPorUma #UmaPorUma
Existe uma história para contar por trás de cada assassinato de mulher em Pernambuco. Uma por uma, vamos contar todas. Mapear onde as mataram, as motivações do crime, acompanhar a investigação e cobrar a punição dos culpados. Um banco de dados virtual.

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM