Jornal do Commercio
Escândalo

Melhor jogador do mundo de Handebol é condenado a dois meses de prisão

Francês Nikola Karabatic recebeu a punição por envolvimento na combinação de resultado de uma partida

Publicado em 01/02/2017, às 12h47

Nikola Karabatic liderou seleção francesa ao título mundial no último domingo (29) / Reprodução/Youtube
Nikola Karabatic liderou seleção francesa ao título mundial no último domingo (29)
Reprodução/Youtube
JC Online

Três dias após liderar a França ao título mundial de handebol e ser eleito o melhor jogador da competição, Nikola Karabatic foi condenado a dois meses de prisão pela Justiça de Montpellier, nesta quarta-feira (1º), por seu envolvimento com a combinação de resultado em uma partida realizada cinco anos atrás. Além disso, foi multado em 10 mil euros (cerca de R$ 34 mil).

O craque francês, junto a outros 14 jogadores, foi investigado por apostas ilegais para o confronto entre seu clube à época, o Montpellier, e o Cesson. Em 2012, a equipe de Karabatic já havia se sagrado campeã matemática da Liga Francesa e o Cesson lutava contra o rebaixamento.

Na partida decisiva, o Montpellier acabou derrotado pela equipe desesperada e, posteriormente, foi descoberto que diversos jogadores e alguns familiares haviam apostado dinheiro na derrota do time campeão. A investigação no período chegou à conclusão de que os envolvidos ganharam cerca de 300 mil euros (cerca de R$ 720 mil na cotação da época) com as apostas.


Palavras-chave

Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Pernambuco Modernista Pernambuco Modernista
Conheça a intimidade de ateliês, no silêncio de casas, na ansiedade de pincéis sujos para mostrar como, quase nonagenária, a terceira grande geração da arte moderna de Pernambuco vai atravessando as primeiras décadas do século 21
A crise que adoece A crise que adoece
Além dos índices econômicos ruins, a recessão iniciada em 2014 no Brasil cria uma população mais doente, vítima do estresse causado pela falta de perspectivas. A pressão gera problemas psicológicos e físicos, que exigem atenção.
Agreste seco Agreste seco
A seca colocou de joelhos uma região inteira. Fez o Agreste sertanejar. Os cinco anos consecutivos sem chuva em Pernambuco ganharam aqui a dimensão de uma tragédia. Silenciosa e diária.

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM