Jornal do Commercio
Basquete

Jogadoras do Uninassau participam do Jogo das Estrelas, com Hortência e Paula

Evento acontece no próximo domingo (2), em Americana (SP)

Publicado em 30/03/2017, às 11h20

Casanova vai estar em quadra pelo Time Rainha Hortência / LBF/Reprodução
Casanova vai estar em quadra pelo Time Rainha Hortência
LBF/Reprodução
LUANA PONSONI

Cinco jogadoras da equipe pernambucana Uninassau foram chamadas para participar da quarta edição do Jogo das Estrelas. O evento, marcado para o próximo domingo (2), no Ginásio Centro Cívico, em Americana (SP), tem a proposta de reunir as atletas que mais se destacaram na Liga de Basquete Feminino (LBF). Tati Pacheco, Casanova, Ariadna, Raphaela e Kelly estão entre as jogadoras que irão participar de atividades da programação.

Além da partida em si, a programação prevê ainda o Torneio de 3 Pontos e o Desafio de Habilidades. As duas atividades terão a participação de jogadoras do Uninassau. Tati Pacheco, única que não estará em quadra na partida do Jogos das Estrelas, defende o título de campeã da última edição do Torneio de 3 Pontos de 2016. Já Casanova e Ariadna participam do Desafio das Habilidades, que colocará duas atletas frente a frente para mostrar quem completa a sequência de cestas em menos tempo.



“É uma oportunidade de mostrar, mais uma vez, os talentos das meninas do basquete”, comentou o coordenador de esportes do Grupo Ser Educacional, Carlos Hermógenes.

EQUIPES

O Jogo das Estrelas reúne 24 atletas, com dois times se enfrentando. Duas grandes ex-jogadoras do basquete nacional, Hortência e Paula, serão as madrinhas dos times, apelidados de Time Rainha Hortência e Time Magic Paula. No primeiro, apenas Casanova estará representando o Uninassau. No segundo, atuarão Ariadna, Kelly e Raphaela Monteiro.


Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Marcas do medo Marcas do medo
Mais do que um saldo de 4,1 mil mortos até setembro de 2017, a violência em PE deixou uma população inteira refém do medo. Sentimento sem cara ou forma, que faz um número cada vez maior de vítimas no Estado. Medo de sair de casa, de andar nas ruas
Great Place to Work 2017 Great Place to Work 2017
Conheça agora as 30 melhores empresas para trabalhar em Pernambuco, resultado de uma pesquisa feita pela Grat Place to Work, instituição com credibilidade de 25 anos, em 57 países, envolvendo anualmente sete mil empresas e 12 milhões de colaboradores
#ACulpaNãoÉDelas #ACulpaNãoÉDelas
Histórias de mulheres que passaram anos sendo agredidas por seus parceiros e, com medo, permaneceram em silêncio. Essa série de reportagem discute novos olhares no enfrentamento às agressões contra a mulher, até porque a culpa não é delas

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM