Jornal do Commercio
Tênis

Chuva adia duelo entre Djokovic e Del Potro em Roma

Organização definiu que o jogo será realizado no sábado

Publicado em 19/05/2017, às 19h55

Argentino Del Potro em ação no Masters 1000 deRoma / AFP
Argentino Del Potro em ação no Masters 1000 deRoma
AFP
Agência Estado

A forte chuva que caiu na capital italiana impediu que agenda desta sexta-feira do Masters 1000 de Roma fosse totalmente realizada. O último jogo previsto para o dia, entre o sérvio Novak Djokovic e o argentino Juan Martín Del Potro, foi interrompido e adiado para a manhã deste sábado (horário de Brasília).

Número 2 do mundo, Djokovic exerceu seu favoritismo diante de Del Potro sem maiores dificuldades no primeiro set da partida e levou a melhor por 6 a 1. Na segunda parcial, o argentino, 34.º do ranking, reagiu e equilibrou o confronto, que foi interrompido com o placar em 2 a 1 a seu favor.



Logo após Del Potro saltar à frente no segundo set, uma forte chuva desabou no complexo em Roma, acompanhada de raios, que fizeram a organização do torneio rapidamente tomar a decisão de suspender e adiar o restante do confronto.

Nas semifinais

Quem avançar deste confronto vai encarar o austríaco Dominic Thiem nas semifinais em Roma. Do outro lado da chave, a luta por uma vaga na decisão está definida, entre o norte-americano John Isner e o alemão Alexander Zverev.


Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Pernambuco Modernista Pernambuco Modernista
Conheça a intimidade de ateliês, no silêncio de casas, na ansiedade de pincéis sujos para mostrar como, quase nonagenária, a terceira grande geração da arte moderna de Pernambuco vai atravessando as primeiras décadas do século 21
A crise que adoece A crise que adoece
Além dos índices econômicos ruins, a recessão iniciada em 2014 no Brasil cria uma população mais doente, vítima do estresse causado pela falta de perspectivas. A pressão gera problemas psicológicos e físicos, que exigem atenção.
Agreste seco Agreste seco
A seca colocou de joelhos uma região inteira. Fez o Agreste sertanejar. Os cinco anos consecutivos sem chuva em Pernambuco ganharam aqui a dimensão de uma tragédia. Silenciosa e diária.

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM