Jornal do Commercio
Título

Português/Aeso é hexa no Brasileiro juvenil de handebol

Equipe derrotou o Pinheiros, em São Paulo, na final

Publicado em 18/06/2017, às 20h26

Pernambucanas souberam superar a pressão da torcida adversária para ficar com o título / Divulgação
Pernambucanas souberam superar a pressão da torcida adversária para ficar com o título
Divulgação
Luana Ponsoni

Mesmo atuando fora de casa, a equipe do Clube Português/Aeso soube superar a pressão da torcida adversária e venceu o Pinheiros por 24x20, em São Paulo, na decisão do Campeonato Brasileiro Juvenil de Handebol Feminino. Com o troféu, as comandadas do técnico Cristiano Rocha chegaram à marca de seis títulos nacionais na categoria.

Foi a terceira final de Campeonato Brasileiro protagonizada por pernambucanas e paulistas. Em 2015, o título ficou com o Pinheiros. Nos dois últimos anos, porém, o domínio vem sendo das lusas.

“O nosso time fez um campeonato espetacular. Vencemos jogos dificílimos e esta final chegou para coroar o trabalho. Mostramos mais uma vez que o Português/Aeso, mesmo com toda limitação financeira, ainda é um dos melhores clubes do Brasil. Parabéns a todas as jogadoras, que venceram de forma espetacular”, afirmou Cristiano Rocha.



Depois de conquistar o título nacional, o Português/Aeso garantiu três atletas na seleção do brasileira juvenil de handebol. Foram convocadas a goleira Renata e as armadoras Renata Paizinho, considerada a melhor jogadora do Nacional, e Gleice.

“Vejo muita gente dizer que conquistamos Brasileiros porque não jogamos contra o Pinheiros e os outros times do Sudeste, o que não é verdade. Hoje (ontem) foi mais uma prova. Vencemos a equipe mais estruturada do Brasil, com recursos e possibilidades financeiras muito maiores do que os nossos”, comentou o diretor de esportes luso, Felipe Rêgo Barros.


Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Educação, emprego e futuro Educação, emprego e futuro
Investir em educação é um pressuposto para o crescimento econômico, a geração de empregos e o aumento da renda. Aos poucos, empresas dos mais variados setores entram numa engrenagem antes formada apenas pelo poder público.
Pernambuco Modernista Pernambuco Modernista
Conheça a intimidade de ateliês, no silêncio de casas, na ansiedade de pincéis sujos para mostrar como, quase nonagenária, a terceira grande geração da arte moderna de Pernambuco vai atravessando as primeiras décadas do século 21
A crise que adoece A crise que adoece
Além dos índices econômicos ruins, a recessão iniciada em 2014 no Brasil cria uma população mais doente, vítima do estresse causado pela falta de perspectivas. A pressão gera problemas psicológicos e físicos, que exigem atenção.

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM