Jornal do Commercio
REINO UNIDO

Brasileiro Melo é campeão nas duplas de Wimbledon ao lado de Kubot

Ele derrotou o austríaco Oliver Marach e o croata Mate Pavic

Publicado em 15/07/2017, às 17h20

Com a participação na final, Melo voltou à liderança do quadro masculino individual de duplas / Foto: Miguel Medina/AFP
Com a participação na final, Melo voltou à liderança do quadro masculino individual de duplas
Foto: Miguel Medina/AFP
AFP

Após verdadeira maratona, a dupla composta pelo brasileiro Marcelo Melo e pelo polonês Lukasz Kubot venceu o torneio de Wimbledon, neste sábado (15), ao derrotar o austríaco Oliver Marach e o croata Mate Pavic por 5-7, 7-5, 7-6(7-2), 2-6 e 13-11.

A vitória na decisão, em 4 horas e 39 minutos, confirma a excelente fase junto com o polonês, com quem faz dupla desde o início do ano, conquistando os torneios de Miami, Madrid, Halle e S-Hertogenbosch.

A partida foi muito equilibrada e duas duplas tiveram dificuldades para quebrar o serviço adversário. O brasileiro atravessou um momento de más devoluções dos poderosos saques rivais, mas aos poucos voltou a acertar.



Melo e Kubot tiveram as duas primeiras chances para matar a partida quando venciam 6-5 o quinto e último set. Mas Marach cresceu no jogo e conseguiu incendiar a dupla para virar e confirmar o game.

Definição

O jogo continuou para ser definido em set corrido. Após 4 horas e 34 minutos, a partida foi suspensa para o fechamento da cobertura da quadra, que já carecia de luz natural. A paralisação fez bem para a dupla do brasileiro, que voltou confirmando o saque e abrindo vantagem.

Na sequência, mesmo com o saque de Pavic, que fez excelente partida e deu muito trabalho nas devoluções dos saques, Kubot e Melo conseguiram quebrar o serviço, fechar o set em13-11 e conquistar o Grand Slam na grama.

Com a participação na final, Melo voltou à liderança do quadro masculino individual de duplas. 


Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Pernambuco Modernista Pernambuco Modernista
Conheça a intimidade de ateliês, no silêncio de casas, na ansiedade de pincéis sujos para mostrar como, quase nonagenária, a terceira grande geração da arte moderna de Pernambuco vai atravessando as primeiras décadas do século 21
A crise que adoece A crise que adoece
Além dos índices econômicos ruins, a recessão iniciada em 2014 no Brasil cria uma população mais doente, vítima do estresse causado pela falta de perspectivas. A pressão gera problemas psicológicos e físicos, que exigem atenção.
Agreste seco Agreste seco
A seca colocou de joelhos uma região inteira. Fez o Agreste sertanejar. Os cinco anos consecutivos sem chuva em Pernambuco ganharam aqui a dimensão de uma tragédia. Silenciosa e diária.

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM