Jornal do Commercio
jogos escolares

Pernambucanos se destacam nos Jogos Escolares

Atletas de Pernambuco conquistam medalhas no judô, luta olímpica e natação, nesta quarta-feira. Finais do atletismo serão na quinta-feira

Publicado em 13/09/2017, às 19h52

Ana Lívia faturou o ouro na competição nacional / Divulgação
Ana Lívia faturou o ouro na competição nacional
Divulgação
JC Online

Pernambuco conquistou nesta quarta-feira as primeiras medalhas nos Jogos Escolares da Juventude Mirim, disputados em Curitiba-PR. Ana Lívia Araújo faturou ouro na categoria até 64kg do judô, Manoela dos Santos e Klivia Ramos levaram prata e bronze nas categorias de 30kg até 40kg e de 57kg até 62kg da luta olímpica, nessa ordem. Julia Góes ficou com a prata nos 100m costas da natação, enquanto Pedro Alexandre da Silva foi bronze no judô, categoria até 58kg. Nesta quinta-feira, a competição continua com as finais do atletismo, nas quais Pernambuco reúne boas chances de figurar no pódio novamente.

TRIUNFOS

O dia começou com a vitória de Ana Lívia Araújo no judô. A pernambucana, que no ano passado já havia conquistado ouro por equipes, ficou com o título individual. “Ano passado perdi o individual por um vacilo, então vim muito focada para este ano. Era a única medalha que me faltava nessa categoria mirim. Foi surreal conquistá-la aqui”, comentou.



Já na luta olímpica, Klivia e Manoela são naturais de Garanhuns e estudam e escola pública. Elas somaram mais duas medalhas. A segunda, inclusive, disputou a final, mas não conseguiu superar a rival do Espírito Santo, Stefany Ferreira. “Estou muito orgulhosa por levar essa medalha para Pernambuco. Foi a primeira vez que competi fora do Estado e já conquistei uma prata em um Brasileiro”, disse.

Na natação, Julia adicionou mais um triunfo ao seu currículo. No ano passado, ela foi bronze nos 50m costas e agora levou a prata nos 100m costas com o tempo de 1min05seg26. “Minha prova foi muito boa, consegui encaixar uma saída legal”, contou Julia, que vai buscar o ouro nos 50m costas.


Palavras-chave

Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Marcas do medo Marcas do medo
Mais do que um saldo de 4,1 mil mortos até setembro de 2017, a violência em PE deixou uma população inteira refém do medo. Sentimento sem cara ou forma, que faz um número cada vez maior de vítimas no Estado. Medo de sair de casa, de andar nas ruas
Great Place to Work 2017 Great Place to Work 2017
Conheça agora as 30 melhores empresas para trabalhar em Pernambuco, resultado de uma pesquisa feita pela Grat Place to Work, instituição com credibilidade de 25 anos, em 57 países, envolvendo anualmente sete mil empresas e 12 milhões de colaboradores
#ACulpaNãoÉDelas #ACulpaNãoÉDelas
Histórias de mulheres que passaram anos sendo agredidas por seus parceiros e, com medo, permaneceram em silêncio. Essa série de reportagem discute novos olhares no enfrentamento às agressões contra a mulher, até porque a culpa não é delas

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM