Jornal do Commercio
Atuação de gala

Sport goleia com Rithely e Everton Felipe no comando

Com os jogadores inspirados, Leão conseguiu vencer CSA por 4x1, avançando à próxima fase da Copa do Brasil

Publicado em 09/02/2017, às 06h08

Rithely marcou um golaço no primeiro tempo  / Williams Aguiar/Sport
Rithely marcou um golaço no primeiro tempo
Williams Aguiar/Sport
Felipe Holanda
Twitter: @f_holanda1

Em uma noite apagada de Diego Souza, Rithely e Everton Felipe comandaram a goleada do Sport por 4x1 diante do CSA, quarta (8/2), no estádio Rei Pelé, na estreia da Copa do Brasil. No primeiro tempo, o camisa 21 foi o “dono” do jogo em Maceió-AL. Com um petardo de perna esquerda, marcou o golaço que abriu o caminho para a vitória rubro-negra. 

Já na segunda etapa, foi Everton que reinou. Fez grande jogada individual, se desvencilhou dos marcadores e empurrou para o fundo das redes, colocando o Sport de novo à frente do placar - o CSA tinha empatado em um gol irregular ainda no primeiro tempo. Além disso, o prata-da-casa do Leão deu passe para o terceiro gol rubro-negro, anotado pelo atacante Rogério. Grandes atuações que foram inapeláveis para o eliminado CSA. 

O  Sport encara agora na Copa do Brasil o Sete de Setembro-MS, atual campeão sul-mato-grossense. O tricolor se classificou após vencer o River-PI. A partida, que ainda não tem data definida (22 de fevereiro ou 1º de março), será disputada na Ilha do Retiro. 

"Mais importante que a vitória é a classificação. A gente tinha a vantagem do empate, mas viemos aqui para ficar com a vitória. Eles (o CSA) têm um bom time e nos deram bastante trabalho. Foi um jogo complicado, baixamos um pouco o ritmo após o primeiro gol e demos espaço ao adversário. Mesmo assim, fizemos uma grande partida, foi um grande resultado e conseguimos passar à próxima fase da Copa do Brasil”, disse o jovem Everton Felipe. 

OUTROS DESTAQUES 

Se Rithely e Everton Felipe saíram de campo como protagonistas absolutos, outros jogadores do Sport também não deixaram para trás. Rogério, por exemplo, também deixou sua marca depois de receber assistência de Everton Felipe. Já o jovem Thallyson, de apenas 20 anos, aproveitou a chance recebida pelo treinador Daniel Paulista. O prata-da-casa anotou o seu primeiro gol pelo Leão como profissional. 

“Fizemos mudança tática na equipe e passamos a atuar com três volantes. Com esse esquema, precisávamos da chegada dos homens de trás. Thallyson viu bem isso e conseguiu fazer o gol, além de fazer um grande jogo. Ficamos muito felizes de ver os jovens atletas da categorias de base evoluindo”, destacou o treinador Daniel Paulista.

Não fosse pelo gol mal validado pelo árbitro, repleto de polêmicas, a defesa do Sport seguiria sem ser vazada na temporada. Aos 32 do primeiro tempo, o meia Everton Heleno cobrou falta e o goleiro Magrão fez defesa monumental. Entretanto, no rebote, Alex Henrique, impedido, empurrou para o gol. Se a zaga do CSA não se encontrou dentro das quatro linhas, o goleiro Jeferson destoou do restante da equipe alagoana. Sem ele, o Sport poderia vencer por um placar ainda mais dilatado que o 4x1. 

Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Pernambuco Modernista Pernambuco Modernista
Conheça a intimidade de ateliês, no silêncio de casas, na ansiedade de pincéis sujos para mostrar como, quase nonagenária, a terceira grande geração da arte moderna de Pernambuco vai atravessando as primeiras décadas do século 21
A crise que adoece A crise que adoece
Além dos índices econômicos ruins, a recessão iniciada em 2014 no Brasil cria uma população mais doente, vítima do estresse causado pela falta de perspectivas. A pressão gera problemas psicológicos e físicos, que exigem atenção.
Agreste seco Agreste seco
A seca colocou de joelhos uma região inteira. Fez o Agreste sertanejar. Os cinco anos consecutivos sem chuva em Pernambuco ganharam aqui a dimensão de uma tragédia. Silenciosa e diária.

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM