Jornal do Commercio
História

Diego Souza prestes a igualar gols de Leonardo no Sport

Jogador vai ter a chance de balançar as redes nesta segunda-feira (17), quando o Leão enfrenta o Botafogo, no Rio

Publicado em 17/07/2017, às 12h45

Diego tem 32 gols assinalados pelo Sport na Série A

 / Williams Aguiar/Sport Club do Recife
Diego tem 32 gols assinalados pelo Sport na Série A
Williams Aguiar/Sport Club do Recife
Luana Ponsoni
esportes@jc.com.br

No próximo mês, o meia-atacante Diego Souza completa três anos vestindo a camisa do Sport - com uma pausa para defender o Fluminense em 2016. Nesse período, o jogador vem registrando marcas expressivas pela equipe. Na última quinta-feira (13), completou 150 partidas pelo Leão, com direito a gol na vitória por 3x0 sobre a Chapecoense, pela 13ª rodada da Série A do Campeonato.

Agora DS87 está prestes a igualar Leonardo nos tentos marcados pelo Sport na elite do futebol nacional. Com 32, o jogador vai ter a chance de chegar aos 33 do ídolo leonino falecido no ano passado, nesta segunda-feira (17), quando Leão encara o Botafogo, no Engenhão.



Ao lado do atacante André, Diego Souza é artilheiro do clube rubro-negro na temporada, com 15 tentos. Desde a sua chegada ao Leão em 2014, DS87 contabiliza 51 gols pelo rubro-negro. O jogador foi um dos grandes destaques na melhor campanha do Leão na era dos pontos corridos, em 2015, quando a equipe atingiu a sexta colocação na elite do futebol nacional.

Graças às boas atuações no Leão, o meio-campista esteve presente nas últimas convocações de Tite na seleção brasileira.


Palavras-chave

Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Pernambuco Modernista Pernambuco Modernista
Conheça a intimidade de ateliês, no silêncio de casas, na ansiedade de pincéis sujos para mostrar como, quase nonagenária, a terceira grande geração da arte moderna de Pernambuco vai atravessando as primeiras décadas do século 21
A crise que adoece A crise que adoece
Além dos índices econômicos ruins, a recessão iniciada em 2014 no Brasil cria uma população mais doente, vítima do estresse causado pela falta de perspectivas. A pressão gera problemas psicológicos e físicos, que exigem atenção.
Agreste seco Agreste seco
A seca colocou de joelhos uma região inteira. Fez o Agreste sertanejar. Os cinco anos consecutivos sem chuva em Pernambuco ganharam aqui a dimensão de uma tragédia. Silenciosa e diária.

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM