Jornal do Commercio
FAZENDO HISTÓRIA

Diego Souza supera Leonardo e se torna goleador do Sport no Brasileiro

Com 34 gols, Diego Souza quebrou um novo recorde com a camisa 87

Publicado em 12/10/2017, às 19h23

Diego Souza marcou um gol e deu uma assistência, capitaneando a vitória do Sport sobre o Vitória em Salvador / Marcelo Malaquias/Estadão Conteúdo
Diego Souza marcou um gol e deu uma assistência, capitaneando a vitória do Sport sobre o Vitória em Salvador
Marcelo Malaquias/Estadão Conteúdo
FELIPE HOLANDA
Twitter: @f_holanda1

Diego Souza, outra vez, escreveu seu nome timbrado na história do Sport. Após o gol marcado em cobrança impecável de falta, nesta quinta (12/10), contra o Vitória, o camisa 87 se tornou o maior artilheiro do Leão na história do Campeonato Brasileiro, agora com 34 tentos. Com isso, ultrapassou o ex-atacante Leonardo, que fez 33. Contra os baianos, Diego esteve bem mais próximo do que o torcedor leonino está acostumado a ver. E contemplar.

Não por acaso, Diego Souza, que também deu o passe para o segundo gol, anotado por Lenis, recebeu elogios do técnico Vanderlei Luxemburgo após o apito final em Salvador. A atuação encheu os olhos do técnico leonino.

“Não tem briga com o Diego (Souza). Não tem nada. O que queremos é que o Diego faça o que fez hoje em campo. Não é questão de jogar bem. É questão da participação. Ele ajuda muito com a sua qualidade. Ele precisava de uma atuação dessa para o torcedor abraçar o Diego novamente. A gente sabe do que ele é capaz de fazer com a bola nos pés”, elogiou Luxa, em entrevista coletiva. 



A atuação contra o Vitória foi, de fato, de suma importância para Diego Souza no Sport. Com o gol de falta, ele findou um jejum de bolas nas redes adversárias que já durava quase três meses - 11 jogos. Por isso, pôde elevar seu moral com a torcida rubro-negra, em uma relação, que agora parece bem mais tranquila do que em tempos anteriores.

Diego Souza é o vice-artilheiro do Sport na Série A, com sete gols, três a menos que André, que fez 10. Jô, do Corinthians, e Henrique Dourado, do Fluminense, são os maiores goleadores, com 14.

UM GOLAÇO DE FALTA

Diego Souza esbanjou categoria ao cobrar falta precisa no ângulo do goleiro Caíque, abrindo o placar para o Sport, aos 45 minutos da primeira etapa. Um chute primoroso para silenciar as críticas que pairavam sobre o camisa 87.  


Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

JC RECALL DE MARCAS PREMIA AS MAIS LEMBRADAS DO ANO JC RECALL DE MARCAS PREMIA AS MAIS LEMBRADAS DO ANO
Pitú, Vitarela (macarrão) e Honda (motos) foram as três marcas mais lembradas pelo público pernambucano, segundo pesquisa realizada pelo Instituto Harrop em parceria com o Sistema Jornal do Commercio de Comunicação (SJCC)
JC no Mundial JC no Mundial
Em meio a um cenário conturbado na política internacional, a Rússia espera ser o grande centro das atenções neste mês de junho, quando irá sediar pela primeira vez em sua história uma Copa do Mundo de futebol. Aqui você confire tudo sobre o Mundial.
Reinventar Reinventar
A velocidade na criação de novidades tecnológicas nos faz pensar que o futuro é todo dia. E nós também precisamos sair do lugar. No mercado de trabalho, o impacto dessas transformações exige a capacidade de se reinventar. Veja o que o futuro lhe reserva

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM