Jornal do Commercio
Queimado

Torcedor do Sport que ateou fogo sobre si segue estável no HR

Homem teve 17% do corpo queimado após atentar contra a própria vida por raiva da derrota do Leão para o Botafogo

Publicado em 13/11/2017, às 17h25

Severino Nascimento da Silva, de 54 anos, está na ala de queimados do HR / Divulgação
Severino Nascimento da Silva, de 54 anos, está na ala de queimados do HR
Divulgação
JC Online

O torcedor Severino Nascimento da Silva, de 54 anos, segue internado em estado estável na ala de queimados do Hospital da Restauração (HR), no Derby, região central do Recife. Nesta segunda-feira (13) faz cinco dias que o rubro-negro ateou fogo sobre si, em um ato de revolta pela derrota do Sport para o Botafogo, por 2x1, na Ilha do Retiro, pela 33ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro. 

De acordo com a assessoria de imprensa do HR, Severino, que mora no município de Condado, na Zona da Mata de Pernambuco, segue fazendo o tratamento e realizando a troca de curativos. Ainda não há qualquer previsão de alta.



FERIMENTOS

Depois de jogar gasolina sobre si e atear fogo, o torcedor teve 17% o corpo queimado, apresentando lesões de segundo grau profundas e superficiais. Os ferimentos se concentram nas pernas, mas também há queimaduras nas mãos, dorso e rosto.


Palavras-chave

Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Cantos e Recantos Cantos e Recantos
A temporada de sol está nos espreitando, e a Praia de Boa Viagem é sempre uma opção de passeio. Mas que tal ousar um pouquinho na quilometragem e desbravar outros destinos? Pernambuco tem muitos lugares fantásticos e você vai adorar o roteiro que o JC fe
As Paixões de José Pimentel, o eterno Jesus As Paixões de José Pimentel, o eterno Jesus
O JC preparou um hotsite especial em homenagem ao ator e diretor Jose Pimentel, o eterno Jesus Cristo do teatro pernambucano
Nordeste Renovável Nordeste Renovável
Com a força dos ventos e a incidência solar, o Nordeste desponta como oásis. Não só para o turismo, nem apenas no Litoral. Na geração de energia sustentável está a nova fonte de riqueza da Região, principalmente no interior

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM