Jornal do Commercio
Leão

Diretor do Sport diz que novo vice-presidente não é prioridade

Clube está mais preocupado em definir novo treinador e o elenco de 2018

Publicado em 07/12/2017, às 13h40

Gustavo Dubeux deixou o cargo para resolver problemas profissionais / Sport Recife/Divulgação
Gustavo Dubeux deixou o cargo para resolver problemas profissionais
Sport Recife/Divulgação
Luana Ponsoni
esportes@jc.com.br

O diretor de futebol do Sport Aluisio Maluf minimizou, em entrevista à Rádio Jornal, a importância do cargo de vice-presidente do executivo no clube leonino. Apesar de admitir que Gustavo Dubeux, ex-detentor da posição, já está fazendo falta no dia a dia do rubro-negro, o dirigente destacou que os trabalhos no Leão não dependem da definição de um novo nome para a função. De acordo com Maluf, o assunto nem é uma prioridade para o presidente Arnaldo Barros.

Assim que Gustavo Dubeux entregou o cargo na tarde da última quarta-feira (6), especulações sobre o substituto começaram a ser ventiladas. Alguns nomes apontados para ser o novo vice-presidente do Sport foram Homero Lacerta, atual presidente do Conselho Deliberativo, e do diretor de futebol Augusto Carreras. Outra hipótese levantada foi que o presidente Arnaldo Barros acumulasse essa função, sem, portanto, anunciar uma nova pessoa.

"Aqui no Sport, as decisões são colegiadas . Essa história de nomes, de cargos não existe . A falta que Gustavo Dubeux faz é grande, claro, mas ele teve de se ausentar por causa de problemas profissionais... No futebol, especificamente, as decisões sempre foram colegiadas . A gente sempre partilhou as nossas decisões. Então essa história de nome para substituição, isso não é importante agora", declarou Maluf.



PRIORIDADES

De acordo com o dirigente, as grandes preocupações do Leão da Ilha do Retiro são com a contratação de um novo treinador e a definição do elenco para a próxima temporada. 

"O importante é a gente se concentrar nas coisas que a gente tem de fazer agora , que é a definição do treinador para que a gente possa partir para outras definições de contratações e demais atividades do departamento de futebol. Esse cargo (de vice-presidente) especificamente nunca foi um cargo específico porque tudo fazia parte de uma diretoria de futebol, que tinha o vice-presidente e os diretores. Só está faltando uma pessoa. O restante continua andando normalmente lá como sempre andou. Não estamos preocupados com isso agora. Estamos preocupados com outras coisas. Não sei nem se o presidente (Arnaldo Barros) vai colocar outra pessoa. Isso não está em pauta agora", reforçou.


Recomendados para você


Comentários

Por NASCIMENTO,07/12/2017

COMO CONTRATAR UM TREINADOR DEPOIS CONTRATA UM VICE DE FUTEBOL SE UM CARA ROCHEDO QUE SABE DAS COISAS FEITO HOMERO LACERDA NÃO VAI ACEITAR O CARRO NA FRENTE DOS BOIS.

Por nascimento,07/12/2017

A incompetencia da diretoria fdo sport e incomensuravel, terminou o campeonato brasileiro já vai fazer 08 dia s kd o novo rtecnico as decisoes a serem tomadas.



Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Julgamento de Lula Julgamento de Lula
O Tribunal Regional Federal da 4ª Região confirmou, no histórico 24 de janeiro de 2018, a condenação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e ampliou a pena para 12 anos e 1 mês de reclusão
Copa do Nordeste 2018 Copa do Nordeste 2018
A 15ª edição da Copa do Nordeste tem um sabor especial. 2018 marca a volta das transmissões de futebol da TV Jornal. Ao lado da co-irmã de Caruaru e de nove afiliadas do SBT Nordeste, a emissora vai levar ao público todas as emoções do torneio
Conheça o Cambinda Brasileira, maracatu rural mais antigo em atividade Conheça o Cambinda Brasileira, maracatu rural mais antigo em atividade
Conheça o Cambinda Brasileira, maracatu rural mais antigo em atividade

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM