Jornal do Commercio
RENOVAÇÃO

Sander recusa oferta pra receber R$ 100 mil a mais e renova com Sport

Lateral-esquerdo acertou a extensão contratual com o Leão até 2020

Publicado em 16/01/2018, às 18h07

Sander marcou o primeiro gol do port em 2018 / Foto: Williams Aguiar/ Sport
Sander marcou o primeiro gol do port em 2018
Foto: Williams Aguiar/ Sport
Filipe Farias
Twitter: @_filipefarias

O lateral-esquerdo Sander começou 2018 da mesma maneira que terminou a temporada passada: em alta. Depois de ter sido um dos destaques do Sport no Brasileirão de 2017, o ala já iniciou esse ano marcando o primeiro gol do Leão na temporada (abriu o placar na vitória contra o Atlético Tucumán). Diante da boa fase do jogador e de sua identificação com a camisa rubro-negra, a diretoria leonina conseguiu firmar a renovação do atleta - era até maio deste ano - e estendeu o seu vínculo até 2020.

"Sander teve o seu contrato renovado até 2020. Foi uma negociação boa para os dois lados (atleta e clube). Ele tinha propostas melhores para sair, mas optou por ficar no Sport, pois foi o clube que lhe abriu as portas", contou Renato Padilha, empresário do lateral. Segundo apuração da reportagem do Jornal do Commecio, o jogador chegou a receber proposta de um clube da Série A de R$ 100 mil a mais do que a feita pelo Sport. "Não adianta você ir para um lugar ganhando mais e perder a sequência na carreira", explicou o agente.

O executivo de futebol do Sport, Alexandre Faria, comentou sobre o acordo. "Sander é um atleta que chegou após a observação de nossa equipe de trabalho, e em seis meses demonstrou muita garra, determinação e qualidade técnica. Desta forma, prorrogamos o contrato do atleta e hoje o Sport detém 100% dos seus direitos econômicos", disse o executivo de futebol leonino, Alexandre Faria.



Apesar de a posição de lateral ser carente e o mercado estar bastante aquecido, Renato assegurou que em nenhum momento Sander pensou em deixar o Sport. "Antes de acertarmos a renovação, só uma situação faria Sander deixar o Sport: caso chegasse uma proposta irrecusável para o jogador e para o clube. Mas não teve. A proposta que teve só foi boa para o atleta, então, preferimos ficar", falou.

MOTIVADO

Ainda segundo Padilha, Sander está bastante animado com a chegada do técnico Nelsinho Baptista. "Esse ano temos certeza de que as coisas serão diferentes. A chegada de Nelsinho, que é um cara que conheço bem, ele terá condições de desenvolver um trabalho ainda melhor. Sander está muito feliz no Sport, foi muito bem recebido por todos e, literalmente, se sente em campo", contou Renato.


Recomendados para você


Comentários

Por André ,17/01/2018

Como o jornal se passa para tamanha mentira.

Por LYRA,17/01/2018

Isso é que podemos chamar de A MENTIRA DO SÉCULO, esse jogador mediano, bom para a série B, deve merecer ganhar uns R$30 mil/mês e, como é que vem com essa vergonhosa mentira dizer que o cara ia ganhar mais cem mil do que a oferta feita pelo SPORT e aceita de bate pronto pelo mesmo, digam pelo menos qual foi o time da série A que pelo menos o sondou, o que eu já acho muito difícil. SOU RUBRO NEGRO DE CORAÇÃO MAS, SEM MENTIRAS.

Por Paulo,17/01/2018

Candidato a SANTO? Ou vai se candidatar a algum cargo público? Ou então é aquele velho esquema de jogar prá torcida. Ou será que já não é a sombra chamada Capa? Esse cidadão ganhando R$. 50.000,00 já é um exagero.



Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

As Paixões de José Pimentel, o eterno Jesus As Paixões de José Pimentel, o eterno Jesus
O JC preparou um hotsite especial em homenagem ao ator e diretor Jose Pimentel, o eterno Jesus Cristo do teatro pernambucano
Nordeste Renovável Nordeste Renovável
Com a força dos ventos e a incidência solar, o Nordeste desponta como oásis. Não só para o turismo, nem apenas no Litoral. Na geração de energia sustentável está a nova fonte de riqueza da Região, principalmente no interior
Vidas Compartilhadas Vidas Compartilhadas
O JC apresenta o mundo da doação e dos transplantes de órgãos pelas vozes de pessoas que ensinam, mesmo diante das adversidades, a recomeçar a vida quantas vezes for preciso.

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM