Jornal do Commercio
buscas

Avião ainda está desaparecido no Pará

O Ministério da Saúde informou que a coordenação do Distrito Sanitário Especial Indígena Rio Tapajós acionou as equipes de buscas na quarta-feira, quando foram iniciadas as operações aéreas e por terra

Publicado em 20/03/2014, às 14h18

Modelo do avião desaparecido, um bimotor Beechcraft BE 58 Baro / Foto: Reprodução/Internet

Modelo do avião desaparecido, um bimotor Beechcraft BE 58 Baro

Foto: Reprodução/Internet

Da ABr

Um avião e um helicóptero da Força Aérea Brasileira (FAB) retomaram nesta quinta-feira (20) pela manhã as atividades de busca ao avião bimotor, modelo Beechcraft BE 58 Baron, desaparecido há três dias no sudoeste do Pará. De acordo com o Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa), devido a um forte nevoeiro, a operação teve de ser suspensa.

Na quarta-feira (19), as equipes da FAB fizeram buscas na região por cinco horas e percorreram uma área de 1.606 quilômetros quadrados sem encontrar sinais da aeronave. O bimotor de prefixo PR-LMN, pertencente à empresa Jotan Taxi Aéreo, prestava serviço à Secretaria Especial de Saúde Indígena (Sesai), ligada ao Ministério da Saúde, desapareceu na terça-feira (18), por volta das 12h30, com cinco pessoas a bordo, cerca de uma hora depois de decolar do Aeroporto de Itaituba com destino à cidade de Jacareacanga.

De acordo com o ministério, estavam no avião as técnicas de enfermagem Rayline Sabrina Brito Campos, Luciney Aguiar de Sousa e Raimunda Lúcia da Silva Costa, o motorista Ari Lima e o piloto Luiz Feltrin. Eles substituiriam as equipes que já prestavam atendimento às aldeias da etnia Munduruku, na região de Jacareacanga.

O Ministério da Saúde informou ainda, por meio de nota, que a coordenação do Distrito Sanitário Especial Indígena Rio Tapajós acionou as equipes de buscas na quarta-feira, quando foram iniciadas as operações aéreas e por terra.

Palavras-chave




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Reinventar Reinventar
A velocidade na criação de novidades tecnológicas nos faz pensar que o futuro é todo dia. E nós também precisamos sair do lugar. No mercado de trabalho, o impacto dessas transformações exige a capacidade de se reinventar. Veja o que o futuro lhe reserva
Rodoviários: ''máquinas'' sem manutenção Rodoviários: ''máquinas'' sem manutenção
Carga horária excessiva, más condições de trabalho, terminais sem estrutura apropriada e os riscos ocupacionais aos quais estão submetidos. O transporte rodoviário está em quarto lugar entre as profissões com mais com comunicações de acidentes de trabalh
#UmaPorUma #UmaPorUma
Existe uma história para contar por trás de cada assassinato de mulher em Pernambuco. Uma por uma, vamos contar todas. Mapear onde as mataram, as motivações do crime, acompanhar a investigação e cobrar a punição dos culpados. Um banco de dados virtual.

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM