Jornal do Commercio
Acidente

Viatura da PM capota em frente ao Palácio do Planalto

A viatura passou um sinal vermelho, perdeu o controle e capotou ao desviar de um carro gol preto

Publicado em 17/02/2017, às 11h41

Acidente aconteceu por volta das 10h30 / Antonio Cruz/ Agência Brasil
Acidente aconteceu por volta das 10h30
Antonio Cruz/ Agência Brasil
ABr

O capotamento de uma viatura da Polícia Militar em frente ao Palácio do Planalto, na manhã de hoje (16), agitou o que parecia ser uma manhã tranquila na sede do poder Executivo, já que o presidente da República, Michel Temer, está em São Paulo desde ontem.

Por volta das 10h30, a viatura passou um sinal vermelho, perdeu o controle e capotou ao desviar de um carro gol preto guiado pela servidora da Casa Civil, Yara Greyck.

“O sinal abriu para mim e todos os veículos que vinham do outro lado já haviam parado. A viatura então ligou, já em cima do sinal, a sirene. Não deu tempo para eu parar. Como eles estavam muito rápido, eles perderam o controle do carro ao tentar desviar do meu carro”, disse a servidora à Agência Brasil.

Policiais tiveram dores no pescoço, na cabeça e na coluna

Os dois policiais que estavam na viatura foram encaminhados ao Hospital de Base com ferimentos aparentemente leves e dores no pescoço, na cabeça e na coluna.

“Todas as informações de que dispomos no momento são ainda preliminares, mas ao que parece a culpa do acidente não foi da motorista [do gol preto]”, disse o major Michello Bueno, do Centro de Comunicação Social da PM.

Segundo ele, como a sirene da viatura havia sido acionada, provavelmente ela estava em chamado. “Ao que parece, ainda temos de confirmar isso, a viatura estaria sendo deslocada para uma ocorrência na rodoviária, onde foi pedido apoio para uma abordagem”, acrescentou o policial.

Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

A crise que adoece A crise que adoece
Além dos índices econômicos ruins, a recessão iniciada em 2014 no Brasil cria uma população mais doente, vítima do estresse causado pela falta de perspectivas. A pressão gera problemas psicológicos e físicos, que exigem atenção.
Agreste seco Agreste seco
A seca colocou de joelhos uma região inteira. Fez o Agreste sertanejar. Os cinco anos consecutivos sem chuva em Pernambuco ganharam aqui a dimensão de uma tragédia. Silenciosa e diária.
#PeloCaminhar #PeloCaminhar
Mais do que mobilidade, caminhar também é apropriar-se da cidade. Mas o caminhar está difícil. A mobilidade a pé necessita de uma infraestrutura própria, decente, que eleve o pedestre ao posto maior. Por isso o JC lança a discussão #PeloCaminhar.

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM