Jornal do Commercio
ESTRAGOS

Defesa Civil reconhece situação de emergência em seis estados

Medida permite que prefeituras de municípios atingidos tenham acesso a ações de socorro e restabelecimento de serviços essenciais

Publicado em 18/04/2017, às 17h35

Adversidades climáticas levam municípios a situação de emergência / Foto: Reprodução/Blog Caldeirão Araci
Adversidades climáticas levam municípios a situação de emergência
Foto: Reprodução/Blog Caldeirão Araci
JC Online

Nesta terça-feira (18), o Ministério da Integração Nacional reconheceu que municípios dos estados do Amapá, Mato Grosso, Bahia, Minas Gerais, São Paulo e Sergipe se encontram em situação de emergência por causa de adversidades climáticas.
A medida publicada no Diário Oficial da União autoriza que as prefeituras destas localidades tenham acesso a ações de socorro, assistência, restabelecimento de serviços essenciais e recuperação de áreas danificadas por desastres naturais.

O longo período de seca e estiagem que atingiu os municípios baianos de Araci, Wanderley, Retirolândia, Serra do Ramalho e Rafael Jambeiro, além de Frei Paulo, em Sergipe, e das cidades mineiras Arinos, Montes Claros, Mirabela, Jequintinhonha e Porteirinha.
Já as enxurradas causaram transtornos em Novo Triunfo (BA), Brasília de Minas (MG), Cana Brava do Norte (MT) e Pedro Toledo (SP). Chuvas fortes e inundações atingiram Tartarugalzinho e Ferreira Gomes, no Amapá; Santa Terezinha e Juína, no Mato Grosso.



Auxílio federal

Para conseguir suporte emergencial da Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil, as cidades devem apresentar um Plano Detalhado de Resposta (PDR), por meio do Sistema Integrado de Informações sobre Desastres (S2ID). Após estudo técnico, se aceito, o Ministério da Integração define as intervenções que serão disponibilizadas.


Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Pernambuco Modernista Pernambuco Modernista
Conheça a intimidade de ateliês, no silêncio de casas, na ansiedade de pincéis sujos para mostrar como, quase nonagenária, a terceira grande geração da arte moderna de Pernambuco vai atravessando as primeiras décadas do século 21
A crise que adoece A crise que adoece
Além dos índices econômicos ruins, a recessão iniciada em 2014 no Brasil cria uma população mais doente, vítima do estresse causado pela falta de perspectivas. A pressão gera problemas psicológicos e físicos, que exigem atenção.
Agreste seco Agreste seco
A seca colocou de joelhos uma região inteira. Fez o Agreste sertanejar. Os cinco anos consecutivos sem chuva em Pernambuco ganharam aqui a dimensão de uma tragédia. Silenciosa e diária.

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM