Jornal do Commercio
América do Sul

Argentina preocupada com crise política no Brasil

Segundo a chanceler argentina Susana Malcorra, o país quer que a crise brasileira se resolva o mais rápido possível

Publicado em 19/05/2017, às 20h03

A crise na política brasileira se intensificou após a delação de Joesley Bastita, que mostra o presidente Michel Temer (foto) apoiando a compra do silêncio de Eduardo Cunha / Foto: Agência Brasil
A crise na política brasileira se intensificou após a delação de Joesley Bastita, que mostra o presidente Michel Temer (foto) apoiando a compra do silêncio de Eduardo Cunha
Foto: Agência Brasil
AFP

O governo argentino acompanha com atenção o desenrolar da crise política no Brasil, especialmente preocupado com as consequências econômicas que possa causar a seu principal parceiro comercial, declarou nesta sexta-feira (19) a chanceler Susana Malcorra. "Desejamos que a crise se resolva o mais rápido possível pelo bem dos brasileiros. Sabemos que se trata de uma crise de questionamento do poder. No governo argentino estamos acompanhando isto minuto a minuto", disse Malcorra ao jornal Clarín no Japão.

A chanceler acompanha o presidente argentino, Mauricio Macri, em uma viagem pela Ásia. Malcorra admitiu que a crise brasileira pode complicar a recuperação da economia argentina, ávida por investimentos que tirem o país do atoleiro, após um recuo da economia de 2,3% no ano passado.



"Lamentavelmente", a situação no Brasil "pode nos afetar". Sobre o desenlace da crise que envolve o presidente Michel Temer, Malcorra disse confiar "nas instituições do Brasil", mas admitiu que "é um momento muito delicado".

Preocupação

Malcorra destacou que Macri "está preocupado pelo Brasil e pelos brasileiros". "Nosso vizinho, país irmão e sócio tem instituições suficientemente fortes para administrar esta situação. O Brasil tem ferramentas internas suficientes para resolver esta crise. Você não pode entrar em campo e se envolver de maneira apressada e prematura. Vamos ficar próximos e disponíveis, mas esta é uma questão interna do Brasil".


Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Pernambuco Modernista Pernambuco Modernista
Conheça a intimidade de ateliês, no silêncio de casas, na ansiedade de pincéis sujos para mostrar como, quase nonagenária, a terceira grande geração da arte moderna de Pernambuco vai atravessando as primeiras décadas do século 21
A crise que adoece A crise que adoece
Além dos índices econômicos ruins, a recessão iniciada em 2014 no Brasil cria uma população mais doente, vítima do estresse causado pela falta de perspectivas. A pressão gera problemas psicológicos e físicos, que exigem atenção.
Agreste seco Agreste seco
A seca colocou de joelhos uma região inteira. Fez o Agreste sertanejar. Os cinco anos consecutivos sem chuva em Pernambuco ganharam aqui a dimensão de uma tragédia. Silenciosa e diária.

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM