Jornal do Commercio
ACRE

'Menino do Acre' volta para casa após 5 meses desaparecido

Para a polícia, tudo não passou de um projeto pensado para o lançamento de livros

Publicado em 11/08/2017, às 12h15

Bruno desapareceu no dia 27 de março / Foto: Reprodução
Bruno desapareceu no dia 27 de março
Foto: Reprodução
JC Online

Bruno Borges, mais conhecido como o 'menino do Acre' retornou para casa nesta sexta-feira (11), em Rio Branco, no Acre. A informação foi confirmada pela família do rapaz, que, enquanto esteve desaparecido, teve livro lançado por parentes e amigos, figurando inclusive entre os mais vendidos do Brasil. 

Bruno, de 24 anos, desapareceu no dia 27 de março, deixando cerca de 14 livros manuscritos em seu quarto, todos codificados. Além dos livros, o quarto de Bruno estava com vários códigos escritos nas paredes, além de uma estátua do filósofo Giordano Bruno. Na época, seu desaparecimento foi um dos principais temas das redes sociais, com diversas pessoas tentando encontrar pistas para solucionar o caso.



Polícia

A Polícia Civil fez operações na casa de dois amigos de Bruno e encontrou, entre outras informações e objetos, dois contratos assinados que destinam aos amigos a renda do Projeto Enzo e dos 14 livros criptografados por Bruno. O primo do jovem Eduardo Borges, também teria envolvimento no caso.

À época, para a polícia, ficou configurado que o caso não se tratava de um desaparecimento. "No dia que o Bruno some, ele foi no cartório e registra o contrato. Então, para nós fica muito contundente que não foi um desaparecimento qualquer, na verdade, foi um plano consciente de afastamento, e o contrato mostra que há prazo para divulgação desses livros, prazo para publicação, destinação de porcentagem para quem o ajudou, no caso, essas três pessoas que o ajudaram de imediato. Para nós, está muito claro isso”, afirmou Alcino Júnior, delegado do caso.

 


Palavras-chave

Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Educação, emprego e futuro Educação, emprego e futuro
Investir em educação é um pressuposto para o crescimento econômico, a geração de empregos e o aumento da renda. Aos poucos, empresas dos mais variados setores entram numa engrenagem antes formada apenas pelo poder público.
Pernambuco Modernista Pernambuco Modernista
Conheça a intimidade de ateliês, no silêncio de casas, na ansiedade de pincéis sujos para mostrar como, quase nonagenária, a terceira grande geração da arte moderna de Pernambuco vai atravessando as primeiras décadas do século 21
A crise que adoece A crise que adoece
Além dos índices econômicos ruins, a recessão iniciada em 2014 no Brasil cria uma população mais doente, vítima do estresse causado pela falta de perspectivas. A pressão gera problemas psicológicos e físicos, que exigem atenção.

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM