Jornal do Commercio
PREVENÇÃO

OMS enviará um milhão de vacinas contra cólera ao Haiti

A possibilidade de que um surto de cólera ressurja no Haiti é bastante alarmante

Publicado em 11/10/2016, às 12h39

Mais de 10 mil pessoas morreram no Haiti por causa da cólera / HECTOR RETAMAL / AFP
Mais de 10 mil pessoas morreram no Haiti por causa da cólera
HECTOR RETAMAL / AFP
AFP

A Organização Mundial da Saúde (OMS) disse nesta terça-feira (11) que enviará um milhão de vacinas contra a cólera ao Haiti, onde novos casos estão surgindo após a passagem devastadora do furacão Matthew na semana passada.

O especialista em cólera da OMS Dominique Legros afirmou que já houve um "aumento importante" de casos no sul do país, com 148 casos detectados no departamento de Grande'Anse e outros 53 no departamento do Sul, em declarações à imprensa em Genebra.

A possibilidade de que um surto de cólera ressurja no Haiti é especialmente alarmante, já que o país precisou lutar contra esta epidemia após o catastrófico terremoto de 2010 que arrasou o país.

Desde então, um total de 10.000 pessoas morreram desta doença, e uma média de 500 novos casos são registrados a cada semana nos últimos seis anos.

O número de casos começou a aumentar antes que o furacão Matthew atingisse a ilha, onde foram registrados 29.000 casos durante o ano, segundo a OMS.

O furacão, que deixou ao menos 372 mortos em sua passagem pela ilha na semana passada, chegou quando se aproxima a época do ano em que ocorrem mais casos de cólera, explicou Legros.

Vacina

Para tentar frear a expansão da epidemia, a OMS decidiu enviar um milhão de vacinas ao Haiti para uma campanha de imunização em grande escala, declarou o especialista.

São necessárias duas doses da vacina para uma proteção total, mas Legros afirmou que a OMS e as autoridades do Haiti estavam considerando mobilizar uma campanha de uma dose para pode alcançar mais pessoas.

Legros explicou que uma dose da vacina pode fornecer uma proteção completa durante seis meses. Isso seria "suficiente para cobrir o período com mais risco", acrescentou.

Palavras-chave

Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Julgamento de Lula Julgamento de Lula
O Tribunal Regional Federal da 4ª Região confirmou, no histórico 24 de janeiro de 2018, a condenação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e ampliou a pena para 12 anos e 1 mês de reclusão
Copa do Nordeste 2018 Copa do Nordeste 2018
A 15ª edição da Copa do Nordeste tem um sabor especial. 2018 marca a volta das transmissões de futebol da TV Jornal. Ao lado da co-irmã de Caruaru e de nove afiliadas do SBT Nordeste, a emissora vai levar ao público todas as emoções do torneio
Conheça o Cambinda Brasileira, maracatu rural mais antigo em atividade Conheça o Cambinda Brasileira, maracatu rural mais antigo em atividade
Conheça o Cambinda Brasileira, maracatu rural mais antigo em atividade

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM