Jornal do Commercio
MIGRAÇÃO

Em apenas um dia, 3 mil migrantes são resgatados do Mar Mediterrâneo

Segundo a Organização Internacional para Migrações, já foram registradas 1,9 mil mortes de migrantes no mar este ano

Publicado em 19/05/2017, às 17h58

Os imigrantes seguiam da África para a Europa pelo Mediterrâneo / Foto: Unicef/Ashley Gilbertson VII
Os imigrantes seguiam da África para a Europa pelo Mediterrâneo
Foto: Unicef/Ashley Gilbertson VII
ABr

Quase 3 mil migrantes foram salvos em um único dia após tentar cruzar o Mar Mediterrâneo. Eles haviam deixado o norte da África e seguiam a caminho da Europa. Segundo a Organização Internacional para Migrações (OIM), parceira das Nações Unidas, vários navios ajudaram nas operações de resgate, realizadas nessa quinta-feira (18). As informações são da ONU News.

A maioria dos resgatados seguiu para a Itália e 500 voltaram para a Líbia. O total de mortos ainda é desconhecido, mas a OIM confirma que seis corpos foram encontrados na costa marítima líbia. Uma outra rota bastante usada por quem busca refúgio na Europa é o trajeto entre a Turquia e a Grécia. A agência afirma que, entre janeiro e abril, mais de 5 mil migrantes cruzaram o Mar Egeu, que separa os dois países, sendo a maioria sírios e iraquianos.

Até haitianos

Em Genebra, o porta-voz da OIM, Joel Millman, explicou que a Turquia continua sendo uma "válvula de escape" dos conflitos sírio e iraquiano, além dos corredores na região do Curdistão, o que faz bastante sentido.



Segundo o porta-voz, cidadãos de outros países tentam acessar a Turquia para de lá, seguirem viagem até a Grécia, incluindo haitianos e dominicanos o que tem sido motivo de surpresa explicou.


No mundo todo, a OIM já registrou as mortes de 1,9 mil migrantes no mar este ano, sendo que dois-terços delas ocorreram no Mediterrâneo.


Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Marcas do medo Marcas do medo
Mais do que um saldo de 4,1 mil mortos até setembro de 2017, a violência em PE deixou uma população inteira refém do medo. Sentimento sem cara ou forma, que faz um número cada vez maior de vítimas no Estado. Medo de sair de casa, de andar nas ruas
Great Place to Work 2017 Great Place to Work 2017
Conheça agora as 30 melhores empresas para trabalhar em Pernambuco, resultado de uma pesquisa feita pela Grat Place to Work, instituição com credibilidade de 25 anos, em 57 países, envolvendo anualmente sete mil empresas e 12 milhões de colaboradores
#ACulpaNãoÉDelas #ACulpaNãoÉDelas
Histórias de mulheres que passaram anos sendo agredidas por seus parceiros e, com medo, permaneceram em silêncio. Essa série de reportagem discute novos olhares no enfrentamento às agressões contra a mulher, até porque a culpa não é delas

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM