Jornal do Commercio
LONDRES

Equador reitera asilo e pedido de salvo-conduto para Julian Assange

Assange se encontra na embaixada equatoriana em Londres desde 2012

Publicado em 19/05/2017, às 13h30

Chanceler equatoriano espera que Reino Unido conceda um salvo-conduto que permita Assand asilar no Equador / Foto: Jack Taylor/AFP
Chanceler equatoriano espera que Reino Unido conceda um salvo-conduto que permita Assand asilar no Equador
Foto: Jack Taylor/AFP
Agência Brasil

O Governo de Quito reiterou nesta sexta-feira (19) a vigência do asilo concedido ao australiano Julian Assange, que se encontra na embaixada equatoriana em Londres desde 2012, disse o chanceler do Equador, Guillaume Long, em uma coletiva de imprensa. A informação é da EFE.

Long reiterou a demanda do Equador às autoridades do Reino Unido para que concedam um "salvo-conduto que permita a Assange desfrutar de seu asilo no Equador", em vez de permanecer em sua embaixada em Londres. "A ordem de detenção europeia contra o Sr. Assange já não tem validade. Esperamos que o Reino Unido conceda com prontidão o salvo-conduto", escreveu o chanceler em sua conta no Twitter.



Long afirmou que o Equador celebra a "decisão de não apresentar acusações a Assange depois do seu depoimento na embaixada de Londres, em novembro de 2016". E comentou que apesar da insistência do Equador, "a promotora sueca demorou mais de quatro anos para autorizar o depoimento, tempo totalmente desnecessário".

O chanceler disse que desde que o Equador concedeu asilo a Assange em 2012, era "urgente e factível" tomar o depoimento na embaixada do país andino e insistiu que desde então, o Equador "foi sempre claro em sua disposição a colaborar plenamente com a Justiça sueca".

"O Equador criticou reiteradamente (os) atrasos injustificados de (a) promotora sueca", indicou o titular da diplomacia equatoriana em sua mensagem.


Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

JC RECALL DE MARCAS PREMIA AS MAIS LEMBRADAS DO ANO JC RECALL DE MARCAS PREMIA AS MAIS LEMBRADAS DO ANO
Pitú, Vitarela (macarrão) e Honda (motos) foram as três marcas mais lembradas pelo público pernambucano, segundo pesquisa realizada pelo Instituto Harrop em parceria com o Sistema Jornal do Commercio de Comunicação (SJCC)
JC no Mundial JC no Mundial
Em meio a um cenário conturbado na política internacional, a Rússia espera ser o grande centro das atenções neste mês de junho, quando irá sediar pela primeira vez em sua história uma Copa do Mundo de futebol. Aqui você confire tudo sobre o Mundial.
Reinventar Reinventar
A velocidade na criação de novidades tecnológicas nos faz pensar que o futuro é todo dia. E nós também precisamos sair do lugar. No mercado de trabalho, o impacto dessas transformações exige a capacidade de se reinventar. Veja o que o futuro lhe reserva

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM