Jornal do Commercio
FOGO

Quase 2 mil bombeiros combatem incêndio no centro de Portugal

O incêndio já causou 62 mortes, segundo os últimos números da Defesa Civil do país

Publicado em 19/06/2017, às 07h37

A causa mais provável do incêndio foi a queda de um raio em uma árvore / Foto: PATRICIA DE MELO MOREIRA / AFP
A causa mais provável do incêndio foi a queda de um raio em uma árvore
Foto: PATRICIA DE MELO MOREIRA / AFP
AFP

Quase 2 mil bombeiros continuam combatendo o fogo, nesta segunda-feira (19), no centro Portugal, em um incêndio que já causou 62 mortes, segundo os últimos números da Defesa Civil do país.

Foi impossível controlar durante a noite o fogo, que afeta os distritos de Leiria - onde começou o incêndio no sábado (17) e onde se concentram mais meios de combate -, Coimbra e Castelo Branco, todos no centro do país.



Os últimos dados oficiais atualizaram para 62 o número de mortos e 62 o de feridos, dois dos quais permanecem em estado grave.

Ajuda de outros países

Espera-se que ao longo da manhã cheguem mais dois aviões procedentes da Espanha, além de ajuda da França, para controlar a situação.

A causa mais provável do incêndio foi a queda de um raio em uma árvore, segundo disseram fontes da Polícia Judicial à Agência EFE.


Palavras-chave

Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Recife em Transformação Recife em Transformação
A cidade e o desafio de traçar o seu futuro
Zika em mil dias Zika em mil dias
Já se passaram quase 2 anos e meio desde que o JC anunciou a explosão de casos de recém-nascidos com microcefalia. Muitas dessas crianças já completaram os seus primeiros mil dias de vida. Famílias e especialistas revelam o que aconteceu nesse período
Logística e inovação Logística e inovação
Você sabe o que é logística? Ela parece invisível, mas está presente no nosso dia a dia, encurtando distâncias. Quando compramos uma maçã no supermercado, muitas vezes não nos damos conta do caminho que percorreu até chegar a nossas mãos

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM