Jornal do Commercio
DONALD TRUMP

Donald Trump critica pesquisa que mostra sua baixa aprovação

Pesquisa da ABC News/Washington Post mostrou que apenas 36% dos americanos aprovam o desempenho de Trump no governo

Publicado em 17/07/2017, às 17h58

A pesquisa foi realizada entre 10 de julho e 13 de julho / Foto: ELSA / GETTY IMAGES NORTH AMERICA / AFP
A pesquisa foi realizada entre 10 de julho e 13 de julho
Foto: ELSA / GETTY IMAGES NORTH AMERICA / AFP
Agência Brasil

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, criticou a pesquisa divulgada no domingo (16) que indica que ele tem o menor índice de aprovação do que qualquer um de seus antecessores nos seis primeiros meses de governo, num período de 70 anos. A informação é da Xinhua.

A pesquisa da ABC News/Washington Post mostrou que apenas 36% dos americanos aprovam o desempenho de Trump no governo, marcando uma queda de seis pontos, que era de 42% em abril, enquanto o índice de desaprovação aumentou cinco pontos desde então, chegando a 58%.

"Apesar de que quase 40% de aprovação não ser tão ruim neste momento, essa é a pesquisa mais imprecisa próxima de uma eleição", tuitou Trump para se defender.

A pesquisa também mostrou que 48% dos entrevistados veem a liderança dos EUA no mundo mais fraca desde o início do governo Trump, com apenas 27% acreditando que ela esteja mais forte. Dois terços dos entrevistados disseram que não confiam em Trump para representar os EUA e negociar com outros líderes mundiais. E apenas 38% disseram que acham que Trump está fazendo progressos significativos em direção a seus objetivos, enquanto 55% pensam o contrário.

Interferência russa

Os resultados da pesquisa também foram divulgados à luz de uma agenda republicana paralisada e com a revelação de fatos sobre a interferência da Rússia nas eleições americanas de 2016. O serviço de inteligência dos EUA alega que a Rússia interferiu na corrida presidencial do ano passado e existiram conexões entre o governo russo e a campanha de Trump, fato que o Kremlin negou.



A pesquisa da ABC-Post revela que cerca de 60% dos americanos disseram acreditar que a Rússia tentou se intrometer na eleição presidencial de 2016, enquanto cerca de 44% pensam que Trump se beneficiou desse fato.

Além disso, cerca de 4 em cada 10 americanos acreditam que o comitê de campanha de Trump ajudou intencionalmente os esforços russos para influenciar as eleições.

Quando questionado sobre uma reunião de 2016 que Donald Trump Jr., o filho mais velho de Trump, teve com um advogado russo na esperança de entregar materiais supostamente úteis para a campanha de seu pai, 63% consideraram a reunião como inapropriada.

Em outra vertente da pesquisa, metade dos entrevistados disse que preferem o sistema de saúde existente, com apenas 24% favorecendo uma legislação liderada pelos republicanos, com uma reforma polêmica que foi suspensa no Senado devido à oposição do próprio partido republicano.

A pesquisa foi realizada entre 10 de julho e 13 de julho, teve uma amostra aleatória de mais de 1.000 adultos questionados por telefone, e conta com uma margem de erro de 3,5 pontos.


Palavras-chave

Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Marcas do medo Marcas do medo
Mais do que um saldo de 4,1 mil mortos até setembro de 2017, a violência em PE deixou uma população inteira refém do medo. Sentimento sem cara ou forma, que faz um número cada vez maior de vítimas no Estado. Medo de sair de casa, de andar nas ruas
Great Place to Work 2017 Great Place to Work 2017
Conheça agora as 30 melhores empresas para trabalhar em Pernambuco, resultado de uma pesquisa feita pela Grat Place to Work, instituição com credibilidade de 25 anos, em 57 países, envolvendo anualmente sete mil empresas e 12 milhões de colaboradores
#ACulpaNãoÉDelas #ACulpaNãoÉDelas
Histórias de mulheres que passaram anos sendo agredidas por seus parceiros e, com medo, permaneceram em silêncio. Essa série de reportagem discute novos olhares no enfrentamento às agressões contra a mulher, até porque a culpa não é delas

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM