Jornal do Commercio
Ásia

Chuvas torrenciais no Himalaya matam 40 no Nepal e seis na Índia

Chuvas causaram deslizamentos de terra e inundações. Em um hotel, hóspedes foram deslocados para quartos em andares mais altos

Publicado em 13/08/2017, às 11h04

Chuvas causam desastres no Himalaya / Foto: AFP
Chuvas causam desastres no Himalaya
Foto: AFP
AFP

Os deslizamentos de terra e as inundações decorrentes das chuvas torrenciais no Himalaya deixaram pelo menos 40 mortos no Nepal e seis na Índia desde sexta - anunciaram as autoridades locais neste domingo (13).

"Desde sexta-feira, ao menos 40 pessoas morreram nas inundações, ou nos deslizamentos de terra", disse à AFP o porta-voz do Ministério nepalês do Interior, Deepak Kafle.

No parque nacional de Chitwan, um destino muito turístico do Nepal, os hotéis deslocaram seus hóspedes para quartos nos andares mais altos para evitar as inundações.



Este ano, mais de 100 pessoas perderam a vida por culpa das chuvas da monção, que costumam afetar o Nepal entre junho e agosto.

Índia

Na vizinha Índia, pelo menos seis pessoas morreram, e dezenas continuam desaparecidas, após um deslizamento de terra que arrastou dois ônibus para um precipício.

Segundo a agência de notícias indiana Press Trust of India, 30 pessoas teriam morrido. Outras fontes falam em um número ainda maior de vítimas.


Palavras-chave

Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Educação, emprego e futuro Educação, emprego e futuro
Investir em educação é um pressuposto para o crescimento econômico, a geração de empregos e o aumento da renda. Aos poucos, empresas dos mais variados setores entram numa engrenagem antes formada apenas pelo poder público.
Pernambuco Modernista Pernambuco Modernista
Conheça a intimidade de ateliês, no silêncio de casas, na ansiedade de pincéis sujos para mostrar como, quase nonagenária, a terceira grande geração da arte moderna de Pernambuco vai atravessando as primeiras décadas do século 21
A crise que adoece A crise que adoece
Além dos índices econômicos ruins, a recessão iniciada em 2014 no Brasil cria uma população mais doente, vítima do estresse causado pela falta de perspectivas. A pressão gera problemas psicológicos e físicos, que exigem atenção.

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM