Jornal do Commercio
Irã

Irã limita aplicação da pena de morte por tráfico de drogas

Texto ainda precisa ser referendado por conselho de conservadores. Se aprovado, decisão pode salvar vários condenados por tráfico

Publicado em 13/08/2017, às 12h35

Irã limita pena de morte para traficantes de droga / Foto: AFP
Irã limita pena de morte para traficantes de droga
Foto: AFP
AFP

O Parlamento iraniano aprovou, neste domingo (13), uma emenda para reduzir os casos passíveis de aplicação da pena de morte por tráfico de drogas.

O texto ainda precisa ser referendado pelo Conselho dos Guardiães da Constituição, uma instância dominada pelos conservadores.

Se aprovada, a emenda poderá salvar vários condenados que esperam no corredor da morte. Segundo o Parlamento, o substituto seria aplicado de forma retroativa.



A Anistia Internacional afirma que o Irã é um dos cinco países com mais execuções no mundo por casos de tráfico de drogas. A maioria delas é por enforcamento.

De acordo com a nova legislação, a produção, ou a distribuição, de heroína, de cocaína e de anfetaminas poderá ser castigada com a pena capital, se a carga apreendida passar de dois quilos. Hoje, o limite é de 30 gramas.

Maconha

No caso do ópio e da maconha, o teto passa para 50 quilos, contra os atuais cinco quilos.

Em 2 de janeiro de 2009, 44 pessoas - todas condenadas por tráfico de drogas - foram enforcadas no Irã, em uma das maiores execuções em massa já realizadas na República Islâmica.


Palavras-chave

Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Vidas Compartilhadas Vidas Compartilhadas
O JC apresenta o mundo da doação e dos transplantes de órgãos pelas vozes de pessoas que ensinam, mesmo diante das adversidades, a recomeçar a vida quantas vezes for preciso.
JC RECALL DE MARCAS PREMIA AS MAIS LEMBRADAS DO ANO JC RECALL DE MARCAS PREMIA AS MAIS LEMBRADAS DO ANO
Pitú, Vitarela (macarrão) e Honda (motos) foram as três marcas mais lembradas pelo público pernambucano, segundo pesquisa realizada pelo Instituto Harrop em parceria com o Sistema Jornal do Commercio de Comunicação (SJCC)
JC no Mundial JC no Mundial
Em meio a um cenário conturbado na política internacional, a Rússia espera ser o grande centro das atenções neste mês de junho, quando irá sediar pela primeira vez em sua história uma Copa do Mundo de futebol. Aqui você confire tudo sobre o Mundial.

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM