Jornal do Commercio
FURACÃO

Parques e aeroportos da Flórida voltam a operar após passagem do Irma

O furacão Irma atravessou o sudoeste de Orlando com ventos de até 98 quilômetros por hora

Publicado em 12/09/2017, às 15h47

A Universal Orlando confirmou a reabertura apesar de algumas atrações continuarem fechadas / Foto: Divulgação
A Universal Orlando confirmou a reabertura apesar de algumas atrações continuarem fechadas
Foto: Divulgação
ABR

Os parques temáticos da Disney e da Universal, na Flórida, que fecharam durante o final de semana por conta da passagem do furacão Irma, reabriram nesta terça-feira (12) suas portas, após a realização de tarefas de limpeza e comprovação de que não houve danos relevantes. A informação é da agência EFE.

Além dos parques, os principais aeroportos da Flórida reabriram para o tráfego aéreo e retomam paulatinamente a normalidade após o fechamento de suas instalações no final de semana.

A passagem do Irma, que atravessou o sudoeste de Orlando com ventos de até 98 quilômetros por hora, com muita chuva, afetou alguns parques, como Disney World, Universal Orlando e Seaworld Orlando. A Disney decidiu fechar na sexta-feira os parques Magic Kingdom, Disney Springs, Epcot, Animal Kingdom e Disney's Hollywood Studios por causa da queda de numerosas árvores e inundações em alguns deles.

Inusitado

O fechamento do Magic Kingdom é um fato excepcional e só ocorreu seis vezes na história desde a abertura do complexo em 1971.

A Walt Disney World comunicou através das redes sociais que embora os seus parques aquáticos permaneçam fechados, os demais parques retomam hoje sua atividade, já que segundo um porta-voz da companhia não foram constatados "danos significativos" nos mesmos.



Da mesma maneira, a Universal Orlando confirmou nesta terça (12) através de Twitter que reabriu suas portas apesar de algumas atrações continuarem fechadas, já que sofreram danos pelo impacto do Irma.

O Legoland permanece fechado enquanto prosseguem os trabalhos para avaliar os danos em suas instalações, ainda que os responsáveis pelo parque tenham dito nas redes sociais que o mesmo voltará a abrir "assim que for seguro".

A SeaWorld Orlando, Aquatica Orlando e Busch Gardens, em Tampa, também continuam inoperantes hoje e seguem com as tarefas de limpeza pelo rastro deixado por Irma, e segundo um comunicado enviado hoje pelas companhias, esperam reabrir na quarta-feira.


Palavras-chave

Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Marcas do medo Marcas do medo
Mais do que um saldo de 4,1 mil mortos até setembro de 2017, a violência em PE deixou uma população inteira refém do medo. Sentimento sem cara ou forma, que faz um número cada vez maior de vítimas no Estado. Medo de sair de casa, de andar nas ruas
Great Place to Work 2017 Great Place to Work 2017
Conheça agora as 30 melhores empresas para trabalhar em Pernambuco, resultado de uma pesquisa feita pela Grat Place to Work, instituição com credibilidade de 25 anos, em 57 países, envolvendo anualmente sete mil empresas e 12 milhões de colaboradores
#ACulpaNãoÉDelas #ACulpaNãoÉDelas
Histórias de mulheres que passaram anos sendo agredidas por seus parceiros e, com medo, permaneceram em silêncio. Essa série de reportagem discute novos olhares no enfrentamento às agressões contra a mulher, até porque a culpa não é delas

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM