Jornal do Commercio
Unidades de combate em Israel

Unidades do Exército israelense registram número recorde de mulheres

Cerca de 2,7 mil mulheres se alistaram nas unidades de combate

Publicado em 03/12/2017, às 15h05

Março e novembro são os novembros de recrutamento o exército israelense   / Foto: AFP
Março e novembro são os novembros de recrutamento o exército israelense
Foto: AFP
AFP

O Exército israelense anunciou neste domingo (03) que o número de mulheres em suas unidades de combate bateu o recorde este ano.

Um total de 2,7 mil mulheres se alistaram nas unidades de combate, indicou um oficial, referindo-se às cifras divulgadas após o recrutamento de novembro.

Março e novembro são os dois principais períodos de recrutamento pelo Exército israelense. O serviço militar obrigatório é de dois anos e oito meses para os homens e dois anos para as mulheres. A maioria dos recrutas servem em unidades mistas.



Segundo o oficial, entre os guardas fronteiriços, a proporção de mulheres passou de 15% para 35% em três ou quatro anos.

Serviço Militar

Sobre o recrutamento de judeus ultraortodoxos, a fonte indicou que a meta do governo, de 3,2 mil alistados, não foi alcançada, e apenas 2,85 mil aceitaram realizar o serviço militar.

O serviço militar dos ultraortodoxos é alvo de debate há tempos, e costuma ser alvo de enfrentamentos entre membros desta comunidade (cerca de 10% da população israelense) e a polícia.


Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

JC recall de marcas 2017 JC recall de marcas 2017
Conheça o ranking das marcas que têm conseguido se manter no topo da preferência dos pernambucanos. O rol é resultado de uma pesquisa realizada pelo Instituto Harrop, há duas décadas parceiro do Jornal do Commercio na realização da premiação
10 anos do IJCPM 10 anos do IJCPM
O Instituto João Carlos Paes Mendonça de Compromisso Social (IJCPM) comemora 10 anos de história, contribuindo para transformar a vida de jovens de comunidades com histórico de desigualdade social nas cidades de Recife, Salvador, Fortaleza e Aracaju
Chapecoense: um ano de saudade Chapecoense: um ano de saudade
Um ano de saudade. Foi isso que restou. A maior tragédia do esporte mundial, no dia 29 de novembro de 2016, quando houve o acidente aéreo com a delegação da Chapecoense, em Medellín, na Colômbia, fez 71 vítimas. Entre elas, dois pernambucanos

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM