Jornal do Commercio
Crise na Venezuela

Roraima solicita presença de militares na fronteira com Venezuela

Com crise na Venezuela, mais de sete mil venezuelanos pediram refúgio no Brasil

Publicado em 08/08/2017, às 21h33

Por falta de comida, muitos venezuelanos têm atravessado a fronteira e se refugiado no Brasil / Foto: AFP
Por falta de comida, muitos venezuelanos têm atravessado a fronteira e se refugiado no Brasil
Foto: AFP
AFP

A governadora de Roraima, Suely Campos, pediu nesta terça-feira ao presidente Michel Temer o envio de militares e policias para reforçar a segurança na fronteira com a Venezuela, onde o crime tem aumentado como consequência da crise no país vizinho.

"Temos dois mil quilômetros de fronteira seca, com diversos caminhos clandestinos transformados em rotas do tráfico de drogas, de pessoas e de armas pesadas por organizações criminosas", declarou a governadora. 

Diante da grave crise econômica e política que vive seu país, 7.600 venezuelanos pediram refúgio no Brasil no primeiro semestre deste ano. Deste total, 6.438 realizaram a solicitação em Roraima.



As autoridades brasileiras esperam um fluxo migratório ainda maior, diante do agravamento da situação na Venezuela. 

"Estamos nos preparando para vários cenários, é evidente que um aumento da imigração está previsto, e estamos elaborando planos de contingência para tal", disse à AFP Silvana Vieira Borges, diretora do Departamento de Migrações do Ministério da Justiça. 

Suely Campos destacou que os relatórios de inteligência revelam um aumento da criminalidade na região e que é preciso melhorar a vigilância na estrada que liga Roraima ao Amazonas, "utilizada como um verdadeiro corredor de drogas e armas que entram pela fronteira".

Funcionários da Polícia Federal

A governadora também solicitou o aumento de funcionários da Polícia Federal encarregados dos trâmites migratórios, diante da disparada dos pedidos de refúgio nos municípios de fronteira. 


Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Reinventar Reinventar
A velocidade na criação de novidades tecnológicas nos faz pensar que o futuro é todo dia. E nós também precisamos sair do lugar. No mercado de trabalho, o impacto dessas transformações exige a capacidade de se reinventar. Veja o que o futuro lhe reserva
Rodoviários: ''máquinas'' sem manutenção Rodoviários: ''máquinas'' sem manutenção
Carga horária excessiva, más condições de trabalho, terminais sem estrutura apropriada e os riscos ocupacionais aos quais estão submetidos. O transporte rodoviário está em quarto lugar entre as profissões com mais com comunicações de acidentes de trabalh
#UmaPorUma #UmaPorUma
Existe uma história para contar por trás de cada assassinato de mulher em Pernambuco. Uma por uma, vamos contar todas. Mapear onde as mataram, as motivações do crime, acompanhar a investigação e cobrar a punição dos culpados. Um banco de dados virtual.

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2018 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM