Jornal do Commercio
opinião

Quem dá a largada no Carnaval 2017

Aquilo que esperamos o ano inteiro está prestes a ser anunciado

Publicado em 08/02/2017, às 20h53

'De tão paranóico, fantástico e mágico, os dias de momo transbordam ao calendário' / Acervo Pessoal
'De tão paranóico, fantástico e mágico, os dias de momo transbordam ao calendário'
Acervo Pessoal
Luiza Vieira de Mello

Por Luiza Vieira de Melo

É só virar o ano que uma ofegante epidemia toma conta da gente. Mal guardamos os enfeites de natal e saltam as serpentinas. O frevo ganha mais espaço nas rádios, as fantasias ocupam as araras nas lojas, tudo passa a conter brilho e haja confete.

É irreversível. Queiram ou não queiram os juízes. Aquilo que esperamos o ano inteiro está prestes a ser anunciado.

LEIA MAIS
>>> Todas as notícias sobre a folia pernambucana

Na iminência da folia, os trajes saem do baú. Novos adereços se juntam a coleção e aquele tênis confortável, velho de guerra, sai do ármario. É ele chegando! Já escutamos seus sinais.

De tão paranóico, fantástico e mágico, os dias de momo transbordam ao calendário. Se espalham pelos dias de feira e conhecidas datas nas semanas pré. É quase irresistível acreditar que dura mais que o feriado ou que já começou. Mas é apenas na fantasia do nosso ideal.

A regra é clara. A data não é fixa, mas é rigorosamente pré-determinada. O tríduo abre a quarentena para a semana Santa, que por sua vez obece a Lua Cheia pós outono no hemisfério sul. Não dá pra discutir. Remarcar. Antecipar. Muito menos adiar.

>>> Confira a contagem regressiva para o Carnaval 2017

Você pode ir em Olinda e discordar de mim. Inclusive já a partir de Setembro lá na Pitombeira. E eu entendo. É confuso mesmo. Mas só são quatro dias, acredite. E começa no Sábado de Zé Pereira, aguente.

Antes disso é prévia. Ensaio. Acerto de marcha. Mas se iluda se assim preferir. Não será por falta de aviso. 

É tentador usar a famigerada frase: já começou! Mas prefira dizer que sua carne é igual. Ou outros jargões das redes, se não quiser se queimar a largada na legenda.

CHEGA, CARNAVAL 2017

Mas preste atenção. A terra vai tremer e só irá faltar um grau. Aí não restará pedra sobre pedra. Nem dúvidas. É a crista coral. Pessoal, moçada, só com o Galo da madrugada começa o Carnaval. E se você desfilar esse ano vai entender. Basta brincar um dia.

Luiza Vieira de Melo é médica

Palavras-chave

Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Marcas do medo Marcas do medo
Mais do que um saldo de 4,1 mil mortos até setembro de 2017, a violência em PE deixou uma população inteira refém do medo. Sentimento sem cara ou forma, que faz um número cada vez maior de vítimas no Estado. Medo de sair de casa, de andar nas ruas
Great Place to Work 2017 Great Place to Work 2017
Conheça agora as 30 melhores empresas para trabalhar em Pernambuco, resultado de uma pesquisa feita pela Grat Place to Work, instituição com credibilidade de 25 anos, em 57 países, envolvendo anualmente sete mil empresas e 12 milhões de colaboradores
#ACulpaNãoÉDelas #ACulpaNãoÉDelas
Histórias de mulheres que passaram anos sendo agredidas por seus parceiros e, com medo, permaneceram em silêncio. Essa série de reportagem discute novos olhares no enfrentamento às agressões contra a mulher, até porque a culpa não é delas

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM