Jornal do Commercio
operação turbulência

Fernando Bezerra Coelho agia como intermediário de campanha de Eduardo Campos, diz PF

Senador é apontado como responsável por intermediar transações financeiras das campanhas de Eduardo

Publicado em 21/06/2016, às 12h40

O inquérito está no Supremo Tribunal Federal (STF) porque o senador tem foro privilegiado / Foto: Divulgação
O inquérito está no Supremo Tribunal Federal (STF) porque o senador tem foro privilegiado
Foto: Divulgação
JC Online
Com informações da repórter Marcela Balbino

O senador Fernando Bezerra Coelho (PSB-PE) foi apontado pela Polícia Federal como responsável por intermediar transações financeiras das campanhas do ex-governador Eduardo Campos em 2010 e 2014.

"Indicativo que temos, apesar de não ser o foco da nossa investigação é que Fernando Bezerra Coelho tenha sido a pessoa encarregada de colher os valores do percentual devido para as campanhas do ex-governador Eduardo Campos, em 2010 e 2014", afirmou a delegada Andréa Pinho, que conduziu as investigações da Polícia Federal. O inquérito está no Supremo Tribunal Federal (STF) porque o senador tem foro privilegiado.

As investigações em torno das transações financeiras ligadas à compra do avião que transportava Eduardo Campos começaram em março. Mais políticos podem estar envolvidos, mas a delegada disse que não pode antecipar porque a investigação ainda está acontecendo.

A assessoria do senador Fernando Bezerra Coelho informou que deve se pronunciar nesta tarde.

Recomendados para você


Comentários

Por Marcelo Magalhães,21/06/2016

E aí, vai ser preso? Ou só quem é preso é quem é do PT. Aécio já foi denunciado umas dez vezes e está solto e indo à praia de Ipanema todos os dias, apesar de ser vaiado e xingado todos os dias. Mas, não vem ao caso, né? Outra coisa: cadê o moro?

Por Ciro Gomes em 2018!,21/06/2016

O FBC foi citado já no ano passado, e agora começam a descobrir o porque dele correr para os braços de Temer, em troca de um ministério para um dos filhos, dando uma "bola nas costas" do PSB nacional e do "Governador Viúva Porcina", que é, sem nunca ter sido. Para dá um jeito no Cabaré Brasil só mesmo o desbocado, mas que fale verdades, Ciro Gomes em 2018.

Por Sampaio,21/06/2016

Bezerra Coelho, amigão do peito do Prefeito corrupto de serrita Carlos Cecilio. A Pergunta é? como estes meliantes ainda não estão presos.

Por LYRA,21/06/2016

Mais uma descoberta tardia da PF já que todos nos já sabíamos que esse sujeito não passa de mais um meliante do esquema de propina e desvios de verbas dessa grande quadrilha que é a podre politica nacional e, achando pouco, o presidente TAMPÃO, Michel TREME, outro que também que em breve terá o seu pedido de prisão solicitado pelo horando JANOT, empurrou no pobre povo brasileiro o Fernadinho Bezerrinha Coelhinho, como ministro dessa zona chamada Brasil, ou seja, é uma verdadeira temerosidade essa equipe do TAMPÃO, que assumiu a vaga deixada pela irresponsável Dilma.



Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

O Hobbit - 80 anos O Hobbit - 80 anos
Como a maioria dos hobbits, Bilbo Bolseiro leva uma vida tranquila até o dia em que recebe uma missão do mago Gandalf. Acompanhado por um grupo de anões, ele parte numa jornada até a Montanha Solitária para libertar o Reino de Erebor do dragão Smaug
Marcas do medo Marcas do medo
Mais do que um saldo de 4,1 mil mortos até setembro de 2017, a violência em PE deixou uma população inteira refém do medo. Sentimento sem cara ou forma, que faz um número cada vez maior de vítimas no Estado. Medo de sair de casa, de andar nas ruas
Great Place to Work 2017 Great Place to Work 2017
Conheça agora as 30 melhores empresas para trabalhar em Pernambuco, resultado de uma pesquisa feita pela Grat Place to Work, instituição com credibilidade de 25 anos, em 57 países, envolvendo anualmente sete mil empresas e 12 milhões de colaboradores

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM