Jornal do Commercio
Crise

Kassab: Crise política não afeta investimentos em ciência e tecnologia

'As pesquisas não podem parar', afirmou o ministro, defendendo que, apesar da crise, as instituições estão funcionando

Publicado em 19/06/2017, às 18h58

Kassab afirmou que as instituições estão funcionando no Brasil / Foto: ABr
Kassab afirmou que as instituições estão funcionando no Brasil
Foto: ABr
Agência Brasil

Os investimentos na área de ciência e tecnologia não devem ser afetados pela crise política que atinge o país. A declaração é do ministro de Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Gilberto Kassab. Ele participou nesta segunda (19) de evento comemorativo pelos 50 anos da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), no Museu do Amanhã, no Rio.

"A crise política não ajuda nenhum setor, mas o nosso setor tem uma peculiaridade, ele não para nunca. As pesquisas não podem parar, os profissionais precisam desenvolver os seus projetos continuamente, as importações e as bolsas de estudo não podem cessar. O impacto é menor na nossa área", disse Kassab.



Instituições funcionando

Segundo o ministro, a crise política é grave, mas o importante é que as instituições estão funcionando. "O país vai atravessar esta crise. Sou um otimista".

Durante o evento, foram anunciadas iniciativas de apoio à inovação em empresas brasileiras de aproximadamente R$ 700 milhões. Além do presidente da Finep, Marcos Cintra, também participou da solenidade o presidente dos Correios, Guilherme Campos, e representantes das áreas de ciência e tecnologia do país.


Palavras-chave

Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Educação, emprego e futuro Educação, emprego e futuro
Investir em educação é um pressuposto para o crescimento econômico, a geração de empregos e o aumento da renda. Aos poucos, empresas dos mais variados setores entram numa engrenagem antes formada apenas pelo poder público.
Pernambuco Modernista Pernambuco Modernista
Conheça a intimidade de ateliês, no silêncio de casas, na ansiedade de pincéis sujos para mostrar como, quase nonagenária, a terceira grande geração da arte moderna de Pernambuco vai atravessando as primeiras décadas do século 21
A crise que adoece A crise que adoece
Além dos índices econômicos ruins, a recessão iniciada em 2014 no Brasil cria uma população mais doente, vítima do estresse causado pela falta de perspectivas. A pressão gera problemas psicológicos e físicos, que exigem atenção.

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM