Jornal do Commercio
Agenda

Temer deve montar estratégia para o recesso

Temer chegou na manhã desta segunda (17) ao Palácio do Planalto para uma semana em que deve se debruçar para manter a base aliada unida durante o recesso

Publicado em 17/07/2017, às 12h00

Temer também se prepara para a reunião da Cúpula do Mercosul, na qual o Brasil vai assumir a presidência do bloco, em Mendoza, na Argentina / Foto: AFP
Temer também se prepara para a reunião da Cúpula do Mercosul, na qual o Brasil vai assumir a presidência do bloco, em Mendoza, na Argentina
Foto: AFP
Estadão Conteúdo

O presidente Michel Temer chegou na manhã desta segunda-feira, 17, ao Palácio do Planalto para uma semana em que deve se debruçar para manter a base aliada unida durante o recesso. Temer também se prepara para a reunião da Cúpula do Mercosul, na qual o Brasil vai assumir a presidência do bloco, em Mendoza, na Argentina. A participação do presidente, no entanto, está prevista apenas para sexta-feira.

Até o momento, a agenda do presidente prevê apenas despachos internos.

Recesso

Frustrado com o adiamento para agosto da votação da denúncia contra Michel Temer no plenário da Câmara, o Palácio do Planalto ainda tenta traçar a estratégia para o presidente durante os dias de recesso, que começará no próximo dia 18 até o dia 1º de agosto.

De acordo com interlocutores, o presidente, que tinha o desejo de tocar a agenda de reformas já sem o peso de estar denunciado, precisa sinalizar aos parlamentares que conseguirá manter a sua agenda positiva ativa durante esse período e dar argumentos para que a base continue fechada com ele para derrubar a denúncia.



Aliados do chamado Centrão, que já começaram a pressão por mais espaço no governo, podem ficar com a pasta da Cultura. Segundo uma fonte, a intenção do presidente nos próximos dias é se debruçar para a escolha do nome para ocupar a vaga deixada por Roberto Freire, logo depois que veio à tona a revelação da gravação do presidente com o empresário Joesley Batista, da JBS, no dia 17 de maio.

Temer deve ainda se concentrar para escolher um nome para o Ministério da Transparência, que ficou vago com a saída de Torquato Jardim para o Ministério da Justiça, no fim de maio. Neste caso, fontes do Planalto reconhecem que é mais difícil usar a pasta para acomodar aliados, já que o próprio presidente já manifestou o desejo de escolher um nome técnico para o cargo.


Palavras-chave

Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

O Hobbit - 80 anos O Hobbit - 80 anos
Como a maioria dos hobbits, Bilbo Bolseiro leva uma vida tranquila até o dia em que recebe uma missão do mago Gandalf. Acompanhado por um grupo de anões, ele parte numa jornada até a Montanha Solitária para libertar o Reino de Erebor do dragão Smaug
Marcas do medo Marcas do medo
Mais do que um saldo de 4,1 mil mortos até setembro de 2017, a violência em PE deixou uma população inteira refém do medo. Sentimento sem cara ou forma, que faz um número cada vez maior de vítimas no Estado. Medo de sair de casa, de andar nas ruas
Great Place to Work 2017 Great Place to Work 2017
Conheça agora as 30 melhores empresas para trabalhar em Pernambuco, resultado de uma pesquisa feita pela Grat Place to Work, instituição com credibilidade de 25 anos, em 57 países, envolvendo anualmente sete mil empresas e 12 milhões de colaboradores

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM