Jornal do Commercio
PLANALTO

Em vídeo, Temer exalta resultados, afaga agronegócio e comemora inflação baixa

O presidente esteve em Lucas do Rio Verde, no Mato Grosso, nesta sexta-feira (11)

Publicado em 11/08/2017, às 15h20

Temer disse ainda que com a queda nos preços, os brasileiros passam a gastar menos para
Temer disse ainda que com a queda nos preços, os brasileiros passam a gastar menos para "vestir" e "morar"
Foto: Reprodução
Estadão Conteúdo

 Com a estratégia de tentar destacar o que considera "bons resultados", o presidente Michel Temer divulgou mais um vídeo nas redes sociais, nesta sexta-feira (11), em que destaca os "bons resultados" de seu governo. Na mensagem, de pouco mais de três minutos, Temer destaca ainda a sua visita desta sexta a Lucas do Rio Verde, no Mato Grosso, e exalta a queda da inflação.

"Outro resultado positivo é a queda da inflação. Alcançamos a menor taxa desde 1991 chegamos a 2,71% ou seja abaixo do piso da meta que é de 3%", disse o presidente, destacando que antes de assumir o governo "a inflação estava acelerando e já passava de 10%".

Temer disse ainda que com a queda nos preços, os brasileiros passam a gastar menos para "vestir" e "morar".

O presidente destacou a sua visita a Lucas do Rio Verde e fez um afago ao agronegócio, setor que tem ajudado a estimular a economia. "Hoje estive no Mato Grosso para o início da colheita do algodão, quis ver de perto. Vim trazer o meu abraço ao Homem do Campo, o verdadeiro herói brasileiro".



Temer destacou ainda como bons resultados a liberação das contas inativas do Fundo de Garantia e a remuneração dada ao FGTS, ato que foi celebrado na quinta-feira em cerimônia no Planalto.

O presidente finalizou a mensagem dizendo que não se cansa de dizer que o Brasil não vai parar os bons resultados. "(os bons resultados) nos animam e nos incentivam ainda mais. Podem confiar: vamos continuar trabalhando para construir uma economia forte e próspera para todos", finaliza.

Comunicação

A divulgação de vídeos para exaltar os feitos do governo faz parte de uma estratégia de comunicação traçada reforçada com a derrubada da denúncia na Câmara. Com a aprovação em 5% - menor do que a de José Sarney, Fernando Collor e Dilma Rousseff no auge da impopularidade -, o governo Temer fez uma reestruturação da comunicação digital. O responsável é o marqueteiro do PMDB, Elsinho Mouco, que trabalha com o presidente há quase 15 anos.

Desde o surgimento da denúncia contra Temer em maio, Elsinho passou a ser o principal conselheiro de comunicação do presidente e um dos redatores de seus discursos. Agora, a ideia é reforçar o conteúdo das redes sociais, com uma linguagem ousada, criativa e direta.

 



 


Palavras-chave

Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Educação, emprego e futuro Educação, emprego e futuro
Investir em educação é um pressuposto para o crescimento econômico, a geração de empregos e o aumento da renda. Aos poucos, empresas dos mais variados setores entram numa engrenagem antes formada apenas pelo poder público.
Pernambuco Modernista Pernambuco Modernista
Conheça a intimidade de ateliês, no silêncio de casas, na ansiedade de pincéis sujos para mostrar como, quase nonagenária, a terceira grande geração da arte moderna de Pernambuco vai atravessando as primeiras décadas do século 21
A crise que adoece A crise que adoece
Além dos índices econômicos ruins, a recessão iniciada em 2014 no Brasil cria uma população mais doente, vítima do estresse causado pela falta de perspectivas. A pressão gera problemas psicológicos e físicos, que exigem atenção.

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM