Jornal do Commercio
Tensão em Brasília

Temer pretende fazer pronunciamento contra 2ª denúncia

Temer deve rebater Rodrigo Janot quando denúncia for enviada ao Supremo Tribunal Federal até o final desta semana

Publicado em 14/09/2017, às 08h21

Temer vai fazer discurso, caso Janot apresente denúncia / Foto: ABr
Temer vai fazer discurso, caso Janot apresente denúncia
Foto: ABr
Estadão Conteúdo

Na estratégia de rebater uma eventual segunda denúncia a ser apresentada pela Procuradoria-Geral da República (PGR), o presidente Michel Temer pretende fazer um pronunciamento político assim que a peça for apresentada. De acordo com um de seus auxiliares, ele deve subir o tom do discurso.

No campo jurídico, Temer sofreu nesta quarta-feira, 13, duas derrotas no Supremo Tribunal Federal (STF): a Corte rejeitou declarar como suspeito o procurador-geral Rodrigo Janot e adiou para a próxima semana a suspensão de uma eventual segunda denúncia.

Com isso, a Justiça deixou aberta uma janela para que Janot denuncie Temer novamente antes do fim de seu mandato na PGR. Temer participa da solenidade de posse da nova procuradora-geral, Raquel Dogde, na manhã de segunda-feira, dia 18, antes de viajar para os Estados Unidos.



O discurso do presidente deve repetir a tese de que o delator Lúcio Funaro mente e não merece credibilidade, assim como as gravações dos empresários da JBS. Janot também deve ser alvo. A ideia é dizer que o procurador-geral se aproveita de Funaro para deixar um legado e tentar salvar sua imagem depois da divulgação de uma foto em que aparece sentado à mesa em um bar de Brasília ao lado do advogado Pierpaolo Bottini, que atua para a JBS.

Denúncia

Assessores de Temer dizem acreditar que Janot tentará vincular as declarações de Funaro a de outros delatores para acusar Temer de atuar, de forma contínua, em uma organização criminosa. Assim, conseguiria justificar a denúncia, porque os fatos relatados pelo corretor são anteriores à data em que o peemedebista assumiu a Presidência. 

Temer repetirá, com essa estratégia, o que fez por ocasião da primeira denúncia contra ele. No fim de junho, ele afirmou que a acusação era uma "ilação" da Procuradoria e mirou no ex-procurador da República Marcelo Miller, que auxiliava Janot e teve um pedido de prisão negado pelo Supremo, dizendo que recebera "milhões" para sair do Ministério Público e trabalhar na defesa do frigorífico JBS. O presidente chegou a insinuar que o dinheiro não fosse unicamente para Miller e que poderia ter beneficiado Janot, embora tenha negado essa intenção. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.


Palavras-chave

Recomendados para você


Comentários

Por Como é que ainda permitem que este verme governe?,14/09/2017

Temer é um canalha, além de golpista e corrupto! Há provas irrefutáveis contra este "cidadão"; todo o seu ciclo de amizade e aliados está envolto em falcatruas recorrentemente divulgadas e ele ousa abusar da paciência do povo brasileiro ao refutar a verdade atacado o Janot e MPF! O povo de brasileiro é, de fato, demente, ao ainda permitir que Temer e seu quadrilhão estejam a frente do governo federal Chamem o Chapolin ou Batman, porque mataram os brasileiros!

Por aldir,14/09/2017

JULIO ARRUDA, você é usuário de crack ou é filiado ao PMDB??? se toca! queria que o PGR fosse advogar em favor do TEMER como faz o Gilmar Mendes??

Por LYRA,14/09/2017

Estamos acabando de perder um dos maiores combatentes a corrupção, a LADRÃO GERAL DA NAÇÃO, A GOLPISTAS, A CHEFES DE QUADRILHAS FORMADA SOMENTE POR POLÍTICOS, estamos perdendo o SENHOR JANOT, aquele que teve a coragem de mostrar para o povo brasileiro a podridão que é a nossa politica, formada única e exclusivamente por ladrões, ladrão presidente da república, se é que podemos chamar essa zona de república, que recebe ladrões em sua residencia durante a madrugada para tratar e orientar os bandidos de como obstruir investigações, como comprar juízes e procuradores, como continuar pagando e recebendo propinas e como roubar os cofres públicos. Esse é nosso presidente amigo do nosso colega internauta JÚLIO ARRUDA, que deve agir da mesma forma que o meliante Temer.

Por Júlio Arruda,14/09/2017

Infelizmente o procurador Rodrigo Janot está deixando a PGR pelas portas dos fundos, promovendo um show de partidarismo, arbitrariedades, manipulações, ilegalidades e desmandos em que nada contribuíram para o bem estar econômico e social do Brasil. Já vai tarde e não vai deixar saudades.

Por GG,14/09/2017

Esse Temer esta pensando que o povo e idiota, vamos todos desligar a tv, para não escutar suas mentiras o povo esta cansado e não aguenta mais esses políticos.



Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

O Mundo de Rafa O Mundo de Rafa
Rafael foi diagnosticado com síndrome de Asperger apenas aos 11 anos. Seus desenhos contam pedaços muito importantes da sua história. Exprimem momentos de alegria, de comemoração e também de desabafo, de dor
Gastos dos parlamentares pernambucanos Gastos dos parlamentares pernambucanos
Os deputados federais da bancada pernambucana gastaram, no 1º semestre deste ano, R$ 5,1 milhões em verbas de cotas parlamentares. Já os senadores gastaram R$ 692 mil. Os dados foram coletados com base no portal da transparência da Câmara e do Senado
Um metrô ainda renegado Um metrô ainda renegado
São 32 anos de operação e uma eterna luta por sobrevivência. Esse é o metrô do Recife

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM