Jornal do Commercio
Desembarque

Secretário-geral do PSDB diz que Bruno Araújo não comunicou saída do ministério à Executiva Nacional

Bruno solicitou exoneração ao presidente Michel Temer na tarde desta segunda-feira

Publicado em 13/11/2017, às 19h07

Silvio Torres é deputado federal e secretário-geral do PSDB / Foto: Luis Macedo / Câmara dos Deputados
Silvio Torres é deputado federal e secretário-geral do PSDB
Foto: Luis Macedo / Câmara dos Deputados
Da Editoria de Política

O deputado federal Silvio Torres, secretário-geral do PSDB, informou, na noite desta segunda-feira (13), que o ex-ministro Bruno Araújo não comunicou à Executiva Nacional do PSDB que entregaria o cargo ao presidente Michel Temer (PMDB). "Como o ministro não comunicou sua decisão à Executiva, não se sabe quais foram as razões que o levaram a tomá-la", afirmou o parlamentar.

No fim da tarde, Bruno Araújo divulgou que havia solicitado ao presidente sua exoneração da chefia do Ministério das Cidades. Em carta a Temer, o tucano agradece ao seu partido, mas diz que "já não há mais nele apoio no tamanho que permita seguir nessa tarefa". O documento foi entregue ao peemedebista após cerimônia no Palácio do Planalto.

HIPÓTESES

Apesar de dizer que não foi comunicado oficialmente da saída de Bruno da pasta, Torres chegou a levantar algumas hipóteses que podem explicar a decisão do correligionário. "Ele pode ter decidido entregar o cargo por conta da divisão que há no partido, com algumas pessoas defendendo a saída do governo e outras não; a manifestação recente de líderes da legenda afirmando que o desembarque ocorreria em dezembro e até mesmo as informações de que o governo faria em breve uma reforma ministerial. Talvez ele quis mostrar que não tem apego ao cargo e se antecipou", comentou o deputado.



Além de Bruno, primeiro a desembarcar, ainda estão à frente de ministérios os tucanos Aloysio Nunes (Relações Exteriores), Luislinda Valois (Direitos Humanos) e Antonio Imbassahy (Secretaria de Governo). Questionado se os demais ministros também desembarcariam do governo, o secretário-geral do PSDB afirmou que, "até o momento", não possui essa informação.

DE VOLTA À CÂMARA

Deputado federal licenciado, com sua saída do Ministério das Cidades, Bruno Araújo deve retomar seu mandato na Câmara Federal. O Ministério das Cidades, que Bruno acaba de deixar, é uma das pastas mais cobiçadas por deputados do chamado centrão da Câmara, que une siglas como o PSD, o PP, o PTB e o PR, por exemplo.


Recomendados para você




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Marcas do medo Marcas do medo
Mais do que um saldo de 4,1 mil mortos até setembro de 2017, a violência em PE deixou uma população inteira refém do medo. Sentimento sem cara ou forma, que faz um número cada vez maior de vítimas no Estado. Medo de sair de casa, de andar nas ruas
Great Place to Work 2017 Great Place to Work 2017
Conheça agora as 30 melhores empresas para trabalhar em Pernambuco, resultado de uma pesquisa feita pela Grat Place to Work, instituição com credibilidade de 25 anos, em 57 países, envolvendo anualmente sete mil empresas e 12 milhões de colaboradores
#ACulpaNãoÉDelas #ACulpaNãoÉDelas
Histórias de mulheres que passaram anos sendo agredidas por seus parceiros e, com medo, permaneceram em silêncio. Essa série de reportagem discute novos olhares no enfrentamento às agressões contra a mulher, até porque a culpa não é delas

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM