Jornal do Commercio
Administração de pessoal

MPPE recomenda anulação de seleção simplificada de Surubim

Processo, para 560 vagas, deveria ser substituído por concurso público

Publicado em 07/03/2016, às 11h48

Do JC Online

O Ministério Público de Pernambuco está recomendando à Prefeitura de Surubim, no Agreste, anular o polêmico processo seletivo simplificado deste ano, já questionado anteriormente pelo Tribunal de Contas do Estado. A seleção era para preencher 560 vagas por meio de contratos temporários de um ano, renováveis por igual período. O MPPE orienta realizar concurso público.

“Os cargos postos à disposição para contratação temporária são de natureza permanente, devendo ser providos através de concurso público”, alertou  a promotora Kívia Ribeiro, de acodo com divulgação feita pelo Ministério Público de Pernambuco. O órgão de controle do Executivo avalia que "o pressuposto da excepcionalidade não deve ser utilizado para atender a situações administrativas rotineiras, mas compatibilizado com a proteção do interesse público". 

O MPPE questiona também o período de inscrição para os candidatos (no feriado de Carnaval), quando os órgãos públicos estavam fechados. O prefeito Túlio Vieira tem cinco dias para informar o MPPE sobre as providências tomadas a respeito da recomendação. Em fevereiro, diante de questionamentos do TCE, a prefeitura divulgou que estava reformulando o edital. 

Palavras-chave




Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

O Mundo de Rafa O Mundo de Rafa
Rafael foi diagnosticado com síndrome de Asperger apenas aos 11 anos. Seus desenhos contam pedaços muito importantes da sua história. Exprimem momentos de alegria, de comemoração e também de desabafo, de dor
Gastos dos parlamentares pernambucanos Gastos dos parlamentares pernambucanos
Os deputados federais da bancada pernambucana gastaram, no 1º semestre deste ano, R$ 5,1 milhões em verbas de cotas parlamentares. Já os senadores gastaram R$ 692 mil. Os dados foram coletados com base no portal da transparência da Câmara e do Senado
Um metrô ainda renegado Um metrô ainda renegado
São 32 anos de operação e uma eterna luta por sobrevivência. Esse é o metrô do Recife

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM