Jornal do Commercio
Segurança

Reajuste da Polícia Militar será votado em regime de urgência

Segundo o governador, o projeto de lei enviado é um ganho sem precedentes para a categoria

Publicado em 07/02/2017, às 10h15

Paulo Câmara disse que um esforço financeiro enorme que está sendo feito para atender a categoria / Foto: Aluisio Moreira/ SEI
Paulo Câmara disse que um esforço financeiro enorme que está sendo feito para atender a categoria
Foto: Aluisio Moreira/ SEI
Editoria de Política

O Projeto de Lei (PL) do governador Paulo Câmara (PSB) que prevê o reajuste da Polícia Militar (PM) chegou nesta terça-feira (7) à Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) em regime de urgência. Isso significa que o projeto ganha prioridade nas votações e comissões. 

Além disso, o PL só passará por comissões presididas por deputados do PSB: Constituição e Justiça (Waldemar Borges), Finanças (Clodoaldo Magalhães) e Administração Pública (Lucas Ramos), o que deve acelerar a aprovação. 

Segundo o governador, o projeto de lei enviado é um ganho sem precedentes para a categoria. "Um soldado passará, em dois anos, de R$ 3,2 mil para R$ 4,1 mil. Um coronel, ao final de 2018, ganhará R$ 26 mil. É um esforço financeiro enorme que está sendo feito. As pessoas precisam ler o projeto que está em tramitação, e foi isso que pedimos para que os comandantes repassassem à tropa", explicou. 

A proposta do Executivo, que deverá custar pouco mais de R$300 milhões aos cofres do Estado, é que o reajuste seja pago em três parcelas, sendo a última em dezembro de 2018. Além disso, serão incorporadas gratificações como auxílio-transporte e de defesa civil. Os policiais contestam que a incorporação de ‘benefícios’ reduz o ganho da categoria. 

Bate-boca 

Nesta segunda-feira (6), o líder da oposição, Silvio Costa Filho (PRB), e Joel da Harpa (PTN), fizeram apelos no plenário da Alepe pra que haja tempo pra discussão. Nos bastidores, a oposição teme que o PL seja aprovado como um “rolo compressor”, sem ser discutido, já que o governo é maioria na Casa. Apesar disso, os relatores precisam apresentar o parecer em duas reuniões.

Recomendados para você


Comentários

Por rodoupho,08/02/2017

Favor recuperar os celulares sem nota fiscal(ou nota fiscal falsa) que estao sendo vendidos no Camelodromo da Avenida dantas barreto. Os vendedores são gente que podem ate estarem sendo procurados pela policia. Ficam vendendo celulares sem nota fiscal entre 10h e 14h., seg a sexta.

Por anonimo,08/02/2017

essa tabela do almento da policia so pode ser a tabela do satanas.

Por silva,07/02/2017

É UMA COVARDIA TREMENDA, COM OS QUE REALMENTE VIVEM TRABALHANDO NAS RUAS, DANDO DURO E COLOCANDO A VIDA EM RISCO. O GOVERNADOR ESTÁ CLARAMENTE MAL ASSESSORADO, POR QUE TODA VEZ OFICIAL É MAIS PRIVILEGIADO DO QUE OS PRAÇAS, QUAL A CONTRIBUIÇÃO DELES NA REDUÇÃO DOS ÍNDICES, POR EXEMPLO ANO PASSADO GANHARAM AUXILIO TRANSPORTE DE R$ 600,00, OS PRAÇAS R$ 400,00, JUSTIFICATIVA ATÉ HOJE NÃO ESCLARECIDA. ASSIM COMO O -PDS- OFICIAIS E DELEGADOS GANHAM MAIS QUE OS OUTROS. ENTÃO GOVERNADOR, ACORDE SE NÃO ENTENDE NADA DE POLITICA, PEÇA PARA IR EMBORA, ASSUMA OUTRA FUNÇÃO. SERÁ QUE UM DIA DIA VAMOS GANHAR PARA TERMOS UMA VIDA DIGNA DE CIDADÃO.

Por wellington,07/02/2017

Essa tabela propagada pelo Governo paulo Câmara é inveridica,mentirosa e manipuladora. Disponibilizo ao jconlaine.ne10.uol.com.br caso queira, o meu contra-cheque de 2 sargento Bombeiro Militar, que corresponde ao soldo de RS 3.927,98. Jamais o meu soldo,como todos os demais foram esses valores acima citados. Os militares estaduais estão inconformador é com diminuição dos salários após os descontos do FUNAFIM,IMPOSTO DE RENDA E SISMEPE. Acreditem que com essa maquiação iremos ganhar menos!! Por Favor Governador deixe os nossos salários como esta!!! Não queremos esse cavalo grego de presente!!!

Por COVARDES,07/02/2017

Como Paulo Câmara não governa Pernambuco, pois, realmente, ele não tem a mínima noção do que está acontecendo com a segurança pública estadual, volto-me aos comandantes gerais da PM e do Corpo de Bombeiros com uma sugestão: se os senhores têm um mínimo de dignidade, e ainda querem salvar as suas biografias, peçam pra sair!



Comentar


Nome E-mail
Comentário
digite o código
Desejo ser notificado de comentários de outros internautas sobre este tópico.

OFERTAS

Especiais JC

Educação, emprego e futuro Educação, emprego e futuro
Investir em educação é um pressuposto para o crescimento econômico, a geração de empregos e o aumento da renda. Aos poucos, empresas dos mais variados setores entram numa engrenagem antes formada apenas pelo poder público.
Pernambuco Modernista Pernambuco Modernista
Conheça a intimidade de ateliês, no silêncio de casas, na ansiedade de pincéis sujos para mostrar como, quase nonagenária, a terceira grande geração da arte moderna de Pernambuco vai atravessando as primeiras décadas do século 21
A crise que adoece A crise que adoece
Além dos índices econômicos ruins, a recessão iniciada em 2014 no Brasil cria uma população mais doente, vítima do estresse causado pela falta de perspectivas. A pressão gera problemas psicológicos e físicos, que exigem atenção.

    LOCALIZAÇÃO

  • Rua da Fundição, 257 Santo Amaro, Recife - PE
    CEP: 50040-100
  • assinejc.com.br
  • (81) 3413-6100

    SIGA-NOS

Jornal do Commercio 2017 © Todos os direitos reservados

EXPEDIENTE

Sistema Jornal do Commercio Grupo JCPM